De Massachusetts para o Brasil
16 de outubro de 2013.

SAM ALVES:  A voz de Boston que arrasou no The Voice Brasil . Por vários dias o cantor  foi primeiro lugar no iTunes Brasil

 

 

Por Mara Rubia Sanfilippo

marajsilva@yahoo.com

 

Ele veio do Brasil para Massachusetts aos 4 anos com a família em busca de uma vida melhor, mas algo ainda melhor estaria por vir, lá mesmo no Brasil. Vinte anos depois, e seis meses após sua apresentação no programa The Voice da TV NBC nos Estados Unidos, onde não conseguiu passar para a segunda fase, no último dia 10 de outubro o cantor Sam Alves mostrou a que veio, ou melhor, porque foi ao seu país de origem: soltar sua afinadíssima voz no programa The Voice Brasil. E foi isto que fez quando cantou “When I was your man” de Bruno Mars arrebatando a platéia e os técnicos do programa apresentado pela TV Globo para todo o Brasil e pela TV Globo Internacional para os 5 continentes. Sam Alves foi aprovado com incrível estusiasmo por Cláudia Leitte que foi escolhida por ele para ser sua técnica; Lulu Santos que afirmou “você sabe tudo”; Carlinhos Brown que, perplexo repetia “caramba, caramba, caramba é isso que nós queremos”,e Daniel que elogiou muito a afinação do cantor.

Poucas horas depois Sam Alves já era o número 1 em downloads de sua apresentação no iTunes no Brasil, colocaçao que manteve por vários dias, desbancando o próprio Bruno Mars a quem interpretou. Sua página oficial no Facebook.com/SamAlves teve mais de 10.000 acessos em um único dia e fãs do país inteiro encheram a página de mensagens ondese derramavam em elogios a sua belíssima voz, sua performance, sua história de vida, persistência, simpatia, beleza física, o sorriso, as covinhasno rosto, os cachos marcantes e a calça colorida que completam o estilo do cantor que agradou o país. Aliás, o “estilo Sam Alves” já chamou a atenção até do jornal Boston GlobequandoChristopher Muther fez entrevista exclusiva com o cantorem julho deste ano, exatamente sobre estilo – e isso também ele mostrou que tem de sobra.

Mas o cearense de 24 anos, nascido em Fortaleza e morador de Boston, já conheceu tempos difíceis. Com dois dias de nascido Sam Alves foi abandonado em uma caixa de papelão na porta da casa daqueles que posteriormente o adotoram como filho. Sam Alves falou abertamente sobre sua adoção no The Voice Americano, mostrando inclusive cópia do bilhete que a mãe biológica deixou escrito: “Nasceu às 15 horas do dia 3-6-89. Bebeu mingau à 1 hora de hoje, dia 5-6-89”. Na mesma entrevista Sam disse acreditar que “tudo acontece com um propósito” e, em seguida deu um abraço carinhoso na mãe Raquel Sousa e declararam um pra outro “I love you”.Na mesma semana em que cantou no The Voice Americano, Sam Alves fez apresentação exclusiva cantando ao vivo no programa “Maraberto Show com Mara Rubia” na Rádio 650AM –Framingham, MA e repetindo sua história enquanto ouvintes ligavam e mandavam mensagens de texto parabenizando o jovem cantor que conversou ao vivo com alguns deles.

A história de Sam Alves, mostrada pelo The Voice Brasil na Rede Globo mexeu com o coração de várias pessoas que se identificaram e se emocionaram com seu talento. Uma das mensagens na sua página oficial do Facebook, assinada por pri.cejuvzno de Santos,São Paulo,diz: “Amei sua música e sua história de vida!Já virei sua fã!Trabalho com projetos sociais e sua história servirá de exemplo para muitas crianças e adolescentes daqui do projeto.Independente do resultado final você já é um vencedor!”.

Raquel Sousa, mãe de Sam Alves - e sua maior incentivadora, postou no Facebook do filho: “Como mãe...o Sam é o presente maior que Deus poderia me dare como músico é a voz que não se cansa de ouvir ...o prêmio é seu meu filho. O Brasil já fez a sua escolha no THE VOICE ...SAM ALVES.”Raquel foi quem primeiro orientou Sam na arte de cantar, e ele foi aos poucos descobrindo suas habilidades e aprimorando-as. Em 2003 ele começou fazendo dueto com a mãe, depois fez solos em igrejas da região e voltou para Brasília onde estudou na Escola de Música de Brasília. Em 2009 foi chamado para ser o Tenor Director do coral que acompanhou Michael W. Smith em apresentação em Boston. Logo após foi líder do grupo de louvor deuma grande igreja americana em Massachusetts. Às apresentações solo, seguiram-se outras onde atuou em musicais e peças de teatro, fez trabalhos como modelo e experimentou os bastidores do cinema no filme “Sins of the Preacher” em 2013.

Quando Sam Alves falou no The Voice Brasil que morava em Boston, imediatamente as reações vieram. Como a de Ricardo de Souza, de Boston que postou no Facebook, cheio de pontos de exclamação - “Parabéns!!!!! Arrasou!!!! Agora é só voar que seu salto já foi dado. Parabéns!!! Você é a voz do povo brasileiro em Boston!!!”. Cidade onde Sam morou aqui incluem também Fall River, Framingham e Clinton onde até o Prefeito contactou a mãe de Sam para parabenizá-la pela performance do filho no Brasil.

Amigos, conhecidos e novos fãs entraram na torcida pelo já ilustre morador de Massachusetts que faz Faculdade de  Música e Artes na Worcester State University ondecanta no coral com o qual já participou de duas turnês na Europa – a primeira em Portugal onde solou a música “Brown Eyed Girl”, de Van Morrison e a segunda, na Itália, no último mês de maio, quando o coral se apresentou para o Papa Francisco e Sam Alves fez o solo de “The Man in The Mirror” de Michael Jackson. Além de estudar  muito Samuel trabalha e se dedica profundamente a aprimorar seu dom através de aulas de canto e horas de prática vocal.

Até o fechamento desta edição nossa reportagem não tinha conseguido falar com Sam Alves que está em ritmo intenso com o desenrolar do The Voice Brasil. Mas no Facebook e pelo Twitter ele falou abertamente de seus sentimentos:“Senti tanto carinho e amor da minha querida, amada, e lindaaaa técnica @ClaudiaLeitte vibrando por mim! Obrigado por virar por mim”, derrete-se Sam. “Agradeço a todos os técnicos do @BrasilTheVoice por virarem para mim! @TocaLulu @carlinhosbrown @cantordaniel @ClaudiaLeitte, que honra!”,  e “Tenho que agradecer ao @XandeCastilho pela dedicação e talento produzindo a música #HYPERLINK "https://www.facebook.com/hashtag/wheniwasyourman"WhenIWasYourMan para eu cantar no#TheVoiceBrasil!VALEU!”, e, se dirigindo a todos os fãs disse - “Gente! Vocês são perfeitos!!! Amo todos vocês!!! Tanto carinho, amor, e admiração. Fico tão feliz por ter vocês todos torcendo por mim!”.

Nesta quinta-feira, dia17 de outubroàs 10:30 da noite, horário de Brasília, Sam Alves volta à tela da Globo para enfrentar mais uma vez os técnicos do The Voice Brasil. A comunidade de Massachusetts se orgulha de mais um brasileiro batalhador que vai brilhando com o suor do seu trabalho. E, aprendemos com Sam Alves a lição que ele postou no Facebook, em junho deste ano, através de uma citação de Martin Luther King Jr. -"Se você não puder voar, corra. Se você não puder correr, ande. Se você não puder andar, rasteje. Mas a despeito de tudo, continue se movendo.”  E Sam completa - “As coisas podem estar indo devagar, mas se eu continuar caminhando em frente e não para trás e acreditar, então eu chegarei mais perto e perto do meu sonho.Continue caminhando!”.

Segundo declarou no The Voice Brasil, um de seus sonhos é cantar com Claudinha Leitte, e este parece já ser quase realidade. E assim Sam vai, caminhando e dando voz à história como o único a participar do The Voice em dois países diferentes,  – ou você sabe de mais alguém?

TORCIDA POR SAM ALVES

- Para torcer oficialmente por Sam Alves você deve entrar no site da TV Globo (www.tvglobo.com) e clicar no The Voice Brasil – depois busque o nome da técnica Cláudia Leitte e lá, o nome Sam Alves. Aí, abaixo da foto dele é só clicar na frase “tô na torcida” que automaticamente você estará “votando” no Sam Alves.

- Para conhecer e acompanhar o trabalho de Sam Alves entre na sua página oficial: Facebook.com/SamAlves(hoje com cerca de 15.000 adicionados)”, Twitter.com/SamAlvesMusic, Youtube.com/SamAlvesMusic

Brazilian Times