Publicado em 10/01/2009 as 12:00am

Motorista na contramão morre após perseguição na BR-369

Policiais tentaram parar homem, que fez retorno e seguiu na contramão. Ele bateu de frente em caminhão e morreu no local

Um motorista de 57 anos trafegou por mais de cinco quilômetros na contramão na BR-369, no Paraná, na madrugada desta terça-feira (10). Ele bateu de frente em um caminhão e morreu no local.

O caminhão transportava bebidas de Ourinhos (SP) para Maringá (PR) quando foi atingido pelo carro na contramão. “Ele deveria estar a mais de 100 km por hora. Eu só vi o farol. Ainda estava garoando. Quando eu vi o farol, já vi ele entrando embaixo do caminhão. Não teve mais nada a fazer”, disse João Batista, que guiava o caminhão.

Agentes da Polícia Rodoviária Estadual (PRE) foram avisados que um carro seguia na contramão no sentido Cambé (PR) para Rolândia (PR), em um trecho duplicado e de grande movimento.

Perto do posto de fiscalização, os policiais tentaram parar o veículo, mas não conseguiram.O motorista, que já seguia na contramão, ao perceber a polícia fez um retorno pelo canteiro central e invadiu a outra pista, também em sentido contrário, de Rolândia para Cambé. A PRE acompanhou o homem na pista correta. 

 

“Ele tentou bater em um ônibus que vinha no sentido contrário, mas o ônibus conseguiu desviar. Na baixada, ele acelerou mais ainda e bateu frontalmente com o caminhão”, afirmou o sargento Carlos Alberto, da PRE.

O veículo ficou destruído e o motorista, um comerciante morador de Cambé, morreu no local. Um outro automóvel que seguia atrás do caminhão também se envolveu no acidente, mas nenhum ocupante ficou ferido.

O motorista do caminhão afirmou que vai guardar para sempre essas cenas na memória. “Quando você vê aquilo ali, você entra em pânico, entra em desespero. Tudo o que eu fiz foi gritar por Deus e Nossa Senhora Aparecida e foram as mãos deles que me tiraram de lá”, disse.

Fonte: (G1)