Publicado em 31/05/2011 as 12:00am

São Carlos/SP aprova internacionalização do aeroporto

A notícia foi dada durante encontro entre o Ministro da Fazenda, Guido Mantega, o prefeito Oswaldo Barba e o deputado federal Newton Lima, na terça-feira (31/5)

 

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, anunciou nesta terça-feira (31/5), durante encontro com o prefeito Oswaldo Barba e com o deputado federal Newton Lima que a Secretaria da Receita Federal aprovou os estudos apresentados pela prefeitura de São Carlos para a internacionalização do aeroporto Mário Pereira Lopes. Agora, o secretário da Receita Federal, Carlos Alberto Barreto, também presente à reunião, encaminhará os trâmites legais para a implantação da alfândega no aeroporto, um sinal verde para o início do fluxo de importação e exportação diretamente da cidade.

O prefeito Barba afirmou estar muito satisfeito com a agilidade e o encaminhamento que foi dado pelo ministro Mantega e pelo secretário Barreto ao pedido de São Carlos. "A sinalização do ministro aponta para um desfecho muito favorável às necessidades da nossa cidade e da nossa região", destaca Barba.

Já o deputado Newton Lima afirmou que está muito esperançoso de que este sonho são-carlense se materialize. "Isso significa um novo capítulo na história do desenvolvimento econômico e social, não só de São Carlos, mas de toda a região central do Estado, potencializando a vinda de grandes e novos empreendimentos com mais geração de empregos".

O ministro da Fazenda aceitou ainda o convite para visitar São Carlos, onde fará palestra sobre o desenvolvimento econômico do Brasil no Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico e Social e receberá o título de cidadão são-carlense, já aprovado pela Câmara Municipal.

Em fevereiro passado, o prefeito Oswaldo Barba e o deputado federal Newton Lima se reuniram com o secretário-executivo do Ministério da Fazenda, Nelson Barbosa, para apresentar o pleito de internacionalização do Aeroporto Mário Pereira Lopes, que juntamente com uma estação aduaneira, facilitarão o escoamento da produção local e regional.

 

HISTÓRICO

Para embasar a solicitação ao ministério, o prefeito Barba encaminhou em fevereiro documentos com dados sobre o município e seus indicadores de desenvolvimento. São Carlos tem um PIB (em mil) de R$ 3.912.665,00 (IBGE/2008), renda per capita de R$ 17.941,00 (IBGE/2008). A cidade foi eleita a 15ª melhor cidade para se viver, segundo o Índice de Desenvolvimento Humano Municipal/IDH-M, em um total de 5.565 municípios (Firjan/2009). Naquele ano o município apresentou um volume de exportações de US$ 304.287.101 e importações de US$ 121.944.792, tendo um saldo positivo de US$ 182.342.309.

"Observa-se que neste ano houve a movimentação de US$ 426.231.893, portanto, o Comércio Exterior em São Carlos é muito expressivo", apontou Barba.

Ainda com relação aos aspectos econômicos, São Carlos apresenta um elevado grau de diversidade em sua economia. Na atividade industrial, o município abriga empresas de diferentes portes e perfis tecnológicos, entre elas, Volkswagen, Electrolux, Latina, Faber-Castell, Tecumseh, Opto, Tapete São Carlos, Toalhas São Carlos, Engemasa e TAM. Há também no município dois Distritos Industriais e um terceiro em implantação.

Além disso, São Carlos integra o Sistema Paulista de Parques Tecnológicos, com o Parque Eco Tecnológico Damha e o São Carlos Science Park.

O prefeito destacou que já está em formação um pólo aeronáutico tendo como base o curso de engenharia aeronáutica da USP São Carlos, o Centro Tecnológico da TAM e empresas de base tecnológica voltadas a esse segmento já instaladas em São Carlos.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Top News