Publicado em 5/07/2012 as 12:00am

Torcedores são atropelados durante festa do Corinthians

Vários incidentes com torcedores corintianos foram registrados na noite desta quarta-feira (4) em decorrência do jogo entre Corinthians e Boca Juniors pela final da Libertadores, que deu o primeiro título na competição ao time paulista. Houve confrontos c

Vários incidentes com torcedores corintianos foram registrados na noite desta quarta-feira (4) em decorrência do jogo entre Corinthians e Boca Juniors pela final da Libertadores, que deu o primeiro título na competição ao time paulista. Houve confrontos com a polícia antes da partida, quebra-quebra na comemoração, na avenida Paulista, e o atropelamento de 10 pessoas que festejavam o título na zona leste durante a madrugada. Além disso, 12 ônibus foram danificados.

Segundo a PM, as vítimas comemoravam o título do Corinthians na Copa Libertadores na rua Tuiuti, por volta da 1h50, quando um homem acelerou o carro, atropelando os torcedores. O Corpo de Bombeiros e o Samu foram acionados, e duas vítimas foram levadas para o pronto-socorro do hospital São Luiz, unidade Anália Franco. O motorista foi preso e encaminhado para o 30º DP, no Tatuapé.

De acordo com a SPTrans, 12 ônibus foram danificados, com vidros, retrovisores, portas e alçapões quebrados. Os atos foram registrados em todas as regiões da cidade, e os veículos já foram repostos, portanto a circulação e a frota não serão afetadas nesta quinta-feira. Ninguém ficou ferido.

O primeiro confronto foi registrado na praça Charles Miller, por volta das 21h10, na entrada do Estádio Pacaembu, região central da cidade. A Tropa de Choque usou balas de borracha e bombas de gás lacrimogêneo para evitar que torcedores invadissem o estádio.

Após a partida, novos tumultos foram registrados durante a comemoração. Por volta das 3h53, a Força Tática foi acionada para desobstruir a avenida Paulista, ocupada por cerca de 400 torcedores. De acordo com a PM, os policiais foram recebidos com pedras e garrafadas, utilizando balas de borracha e bombas de gás para conter a multidão.

Um tenente sofreu ferimentos leves na perna e um torcedor atingido por uma bala de borracha, foi conduzido ao Comando de Área 1 da PM, na rua Vergueiro, para prestar esclarecimentos, sendo liberado em seguida.

As portas de vidro de uma agência bancária e da Estação Consolação do Metrô foram quebradas durante as comemorações. (Com Agência Estado)

Fonte: uol.com.br