Publicado em 8/04/2013 as 12:00am

Bailarino de São José dos Campos participa de festival internacional

Garoto de 13 anos faz parte de grupo de 20 brasileiros que vai aos EUA. Ele venceu disputa contra mil candidatos para conquistar vaga no festival.

Um bailarino de 13 anos, solista da Companhia Jovem de Dança da Fundação Cultural Cassiano Ricardo de São José dos Campos, vai participar do Youth America Grand Prix (YAGP), um festival internacional de balé nos Estados Unidos. Único representante do Vale do Paraíba, Théo Bourg embarca na quinta-feira (11) com um grupo de 20 brasileiros rumo à Nova Iorque. O garoto descobriu que queria dançar balé aos três anos de idade. "Eu via as meninas dançando, aí falei: 'ah, porque não'. Aí, eu entrei e desde aquela época eu estou até agora", conta Théo. Ele divide o estudo com a dedicação ao balé e passa pelo menos sete horas por dia nos ensaios. Para o pai, Carlos Bourg, a escolha do filho pela dança foi um susto, mas passada a surpresa ele abraçou o projeto de vida do filho. "O sonho do pai é ver, pelo menos, o filho jogar bola, porque eu também jogava bola. A dedicação dele é grande, ele não mede esforços para estar aqui dançando e isso faz com que a gente incentive mais ainda. Larguei o emprego, mudei de cidade e posso mudar de país também. O que depender de mim, vou apoiar para que ele vença, eu vou fazer", disse o pai, que vai arcar com os custos da viagem do filho e do professor dele. Théo só participou de duas seletivas em sua carreira de bailarino. A primeira para entrar na Companhia de Dança de São José dos Campos. A segunda foi no fim do ano passado, quando disputou com mil jovens brasileiros a chance de se apresentar no YAGP. A seletiva foi realizada no Teatro Municipal de Santos, litoral sul do Estado. Nos EUA, ele vai apresentar duas coreografias, uma de balé clássico e outra de dança contemporânea. Agora, ele pode ter a chance de conseguir bolsas de estudo no exterior. "Pretendo ir para uma escola dos Estados Unidos ou da Europa", disse Théo. Para Marcos Sanches, professor de Theo, no festival o garoto terá oportunidade de se mostrar para grandes diretores e nomes da dança. "Ele vai ter contato com bailarinos do mundo inteiro, chineses, italianos, pessoas que vêm de tradições longas. Eu acho que é muito importante para esses jovens vivenciarem sempre com essa meta, sempre observando quem está lá na frente, como que é esse trabalho e depois trazer e reciclar aqui com a gente, maravilhoso", assegurou. Sobre a competição O Youth America Grand Prix (YAGP) é uma das maiores competições de balé do mundo estudantil, na qual são concedidos mais de US$ 250 mil em bolsas de estudo nas principais escolas do mundo. Segundo a organização do evento, em 12 anos de competição, o YAGP já concedeu mais de US$ 2 milhões em bolsas de estudos para jovens bailarinos estudarem nas melhores escolas de dança do mundo, entre elas o American Ballet Theatre, Paris Opera Ballet, San Francisco Ballet, entre outras companhias.

Fonte: Brazilian Times

Top News