Publicado em 23/04/2013 as 12:00am

Travesti morto em assalto era destaque em escola de samba

Velório acontece na quadra da Sacipô, em Poços de Caldas, MG. Um menor de 17 anos foi apreendido e um suspeito continua foragido.


O travesti que foi morto durante um assalto na tarde desta segunda-feira (22) no bairro São Benedito, em Poços de Caldas (MG), era um dos destaques no carnaval da cidade. Kléber Moreira Mori, de 44 anos, conhecido como Débora Mori, era integrante da escola de samba Sacipô. O corpo será velado na tarde desta terça-feira (23) na quadra do grupo carnavalesco.

"Não só no carnaval, mas em cada evento de nossa escola ela estava presente. Era uma pessoa carismática, de um caráter invejável e muito amada pelos integrantes do nosso grupo", diz o presidente de honra da escola de samba Sacipô, Marcus Togni.

Segundo a polícia, dois suspeitos chamaram  a vítima pelo interfone e entraram na residência onde funciona o salão de beleza que Débora era proprietária. Eles amarraram o travesti que e conseguiram chegar na parte de cima do imóvel. A vítima foi encontrada com as mãos amarradas e um corte no pescoço. A perícia encontrou no quarto a faca que teria sido usada no crime e garrafas de bebidas alcoólicas. Antes da fuga os criminosos tentaram levar o carro da vítima, mas não conseguiram. Débora morreu no local.

Fonte: www.globo.com

Top News