Publicado em 12/05/2013 as 12:00am

Baixa procura por vacina faz Ribeirão prorrogar campanha contra gripe

Dose contra o vírus será aplicada em postos da cidade até sexta-feira (17). Campanha atingiu 51% da meta municipal, segundo Secretaria da Saúde.

A Secretaria da Saúde de Ribeirão Preto (SP) prorrogou até sexta-feira (17) a vacinação contra a gripe, em razão da baixa procura de pacientes da cidade durante a campanha iniciada em 15 de abril em todo o país. De acordo com o último levantamento do Departamento de Vigilância em Saúde, 90,7 mil pessoas foram imunizadas contra o vírus Influenza até dia 8, número que representa 51% da meta de 174,1 mil pessoas a receberem a medicação no município.

Também está aquém do planejado o percentual de vacinas em cada um dos grupos prioritários da campanha. A maior parte deles teve, individualmente, índices abaixo de 80% - parâmetro mínimo para uma imunização bem sucedida, nos padrões do Ministério da Saúde.

O segmento mais preocupante é o de pacientes com doenças crônicas. Em Ribeirão foram vacinadas apenas 29,6% - 18.699 – das 63,1 mil pessoas esperadas. São desse grupo dois pacientes confirmados com H1N1 – a chamada "gripe suína", que costuma circular no inverno –, segundo a enfermeira Larissa Gerin, coordenadora do programa de vacinação na cidade. “Isso mostra que o vírus já chegou. A gente queria que as pessoas se vacinassem antes de o vírus chegar, para que se protegessem, porque a vacina demora 15 dias para fazer efeito. Quem não se vacinou está correndo risco”, afirmou.

Outro grupo que teve menos da metade da meta atingida, segundo a Secretaria da Saúde, é o de gestantes. Das 6,2 mil mulheres que deveriam ter recebido a vacina, 3.20 – 48,2% - tomaram a dose. O balanço parcial da campanha em Ribeirão também aponta que a imunização atingiu 57,92% das 12,4 mil crianças de 6 meses a 2 anos, 63,46% dos 78,1 mil idosos e 82,94% dos 13,4 mil trabalhadores da saúde. Apenas o grupo de 1.097 puérperas - mulheres com até 45 dias após o parto – obteve 100% de vacinação.

“Como nós ainda temos a vacina no estoque e muitas pessoas pertencentes aos grupos vulneráveis ainda não se imunizaram, vamos manter a vacinação até dia 17, avaliando a situação diariamente”, confirmou, por meio da assessoria de imprensa da Prefeitura, a diretora da Vigilância em Saúde em Ribeirão, Maria Luiza da Silveira Santa Maria.

De acordo com a administração municipal, 36 salas dos postos de saúde da cidade estão aptas a aplicar a vacina contra o vírus Influenza esta semana.


Fonte: www.globo.com