Publicado em 6/06/2013 as 12:00am

RJ: suspeita de matar a mãe, jovem registrou desaparecimento

RJ: suspeita de matar a mãe, jovem registrou desaparecimento

A adolescente de 17 anos suspeita de matar a própria mãe em Cachambi, subúrbio do Rio de Janeiro, por enforcamento, comunicou o desaparecimento de Adriana Moura de Rocha Miranda, 43 anos, um dia após o crime na 32ª DP (Taquara). Ela e o namorado, Daniel Duarte Peixoto, 20 anos, foram presos nesta quinta-feira. O motivo do assassinato seria a discordância da mãe com o relacionamento do casal.

Segundo a polícia, a vítima também teria adquirido um seguro em nome da filha, no valor de R$ 15 mil. A adolescente teria matado a mãe enquanto ela dormia, aplicando um golpe conhecido como mata-leão (técnica de estrangulamento usado nas artes marciais). Em seguida, a mulher foi sufocada com um saco plástico. Após constatar a morte da mãe, a jovem e o namorado queimaram o corpo da vítima.

Funcionários da cooperativa de táxi Ouro Táxi teriam dado à garota, segundo informações da polícia, R$ 60 para ela fazer uma busca pela mãe no IML e em hospitais. A adolescente foi levada para um centro de tratamento socioeducativo, enquanto o seu namorado está na sede da Polinter, no Rio de Janeiro. 

O delegado Antônio Ricardo Nunes, titular da 32ª DP, disse que quebrou o sigilo telefônico da garota, utilizou imagens de câmeras de segurança e levou o casal para o local do crime durante a investigação antes de ambos confessarem participação na morte.

“Eram muitas provas, não tinha mais como esconder”, afirmou Nunes.  Segundo ele, Daniel Duarte Peixoto negou envolvimento no assassinato e admitiu, na manhã de quarta-feira, ter ajudado a namorada a se livrar do corpo. A menor confessou ter planejado e executado o crime sozinha mais tarde.


Fonte: www.terra.com.br

Top News