Publicado em 22/01/2014 as 12:00am

Chuva causa alagamentos em São Paulo e em Osasco

Chuva causa alagamentos em São Paulo e em Osasco nesta quarta

A chuva forte que caiu em cidades da região metropolitana nesta quarta-feira (22) causou transtornos em São Paulo e em Osasco. Imagens registradas pela TV Globo mostraram passageiros presos dentro de um ônibus em um alagamento em Osasco. Ruas de Osasco ficaram embaixo d'água. Passageiros de um ônibus preso em um alagamento acenavam à espera de resgate por volta das 19h30, perto de um acesso para a Rodovia Castello Branco. Cerca de 40 pessoas estão dentro do coletivo e os bombeiros enviaram uma equipe e botes para a região. Segundo os bombeiros, os passageiros conseguiram deixar o veículo "por meios próprios" pouco antes das 20h. Motoristas que estavam sobre um viaduto também ficaram ilhados. Na Avenida Manoel Pedro Pimentel, um córrego transbordou e arrastou carros. O Corpo de Bombeiros da cidade informou que alguns bairros têm ruas completamente alagadas. São Paulo A chuva se intensificou no início desta noite e o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), da Prefeitura, colocou toda a cidade de São Paulo em estado de atenção às 18h50.~ As primeiras regiões a entrarem em atenção foram a Zona Leste, o Centro e a Marginal Tietê às 16h50. A chuva se estendeu para as regiões Norte e Sudeste, que entraram em atenção às 17h20. As zonas Oeste e Sul e a Marginal Pinheiros entraram no início da noite. Toda a cidade havia retornado para o estado de observação às 20h15. No horário, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) registrava quatro pontos de alagamento na cidade, três deles intransitáveis: na Avenida Antônio Munhoz Bonilha (Zona Norte), na Avenida Corifeu de Azevedo Marques e na Avenida Queiroz Filho (Zona Oeste). Por volta das 21h, um grupo de pessoas que protestavam por causa de um alagamento na região bloqueou temporariamente os dis sentidos da Rodovia Régis Bittencourt na altura de Itapecerica da Serra, na região metropolitana de São Paulo, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal. A via foi liberada para o tráfego por volta das 23h, segundo a concessionária Autopista Régis. O CGE registrou ventos de 53 km/h no Aeroporto de Guarulhos, na Grande São Paulo, às 17h10 e de 62 km/h às 18h. Houve relato de queda de granizo às 17h40 no Aeroporto de Congonhas e às 17h35 no bairro do Jabaquara, todos na Zona Sul de São Paulo. A Infraero informou que a operação era normal em Congonhas por volta das 19h.

Fonte: (G1)