Publicado em 31/08/2015 as 12:00am

Land Rover diz que carro de Cristiano Araújo estava a 179 km/h

A informação foi confirmada pelo delegado Norton Luiz Ferreira, chefe de comunicação da Polícia Civíl de Goiás, que investiga o casO

Um parecer técnico entregue nesta segunda-feira (31) pela Land Rover, montadora do Range Rover, apontou que o carro do Cristiano Araújo estava a 179 km/h segundos antes do veículo capotar e matar o cantor sertanejo e sua namorada Allana Moraes, 19 anos.

A informação foi confirmada pelo delegado Norton Luiz Ferreira, chefe de comunicação da Polícia Civíl de Goiás, que investiga o caso. O parecer da montadora inglesa não substitui o laudo da perícia, mas servirá para reforçar o conjunto probatório oficial da investigação, que está sob a responsabilidade do delegado Fabiano Henrique Jacomelis.

O parecer foi feito na Inglaterra a partir de um sistema eletrônico que registra todos os dados do carro, uma espécie de caixa preta do veículo. "Esse aparelho registra todas as informações do carro e mostrou que 5 segundos antes do airbag abrir, o carro estava a 179km/h", disse Ferreira.

O motorista que conduzia o carro de Cristiano Araújo na noite do acidente, Ronaldo Miranda Ribeiro, afirmou à Polícia Civil de Goiás que dirigia acima da velocidade permitida no trecho da BR-153, em Goiás, que era de 110 km/h.

"Ele confirmou que desenvolvia velocidade acima do permitido, mas que não recorda da velocidade exata", disse Ferreira.

Morte
Cristiano havia acabado de fazer um show na cidade de Itumbiara (a 200 km de Goiânia), na madrugada de 24 de junho, quando o veículo em que estava capotou por volta das 3h na rodovia Transbrasiliana (BR-153), na altura do quilômetro 613, entre os municípios de Goiatuba e Morrinhos.

O sertanejo chegou a ser levado em estado grave, com hemorragia interna, para o Hospital Municipal da cidade de Morrinhos. De lá, foi transferido de helicóptero, mas chegou ao Hugo (Hospital de Urgência de Goiânia) já em óbito.

Fonte: uol.com.br