Publicado em 27/12/2017 as 4:00pm

Cônsul do Brasil em Miami deixa mensagem de final de ano para a comunidade

Neste ano, o Consulado-Geral em Miami buscou aperfeiçoar o atendimento ao público com a adoção do agendamento.

Cônsul do Brasil em Miami deixa mensagem de final de ano para a comunidade O embaixador Adalnio Senna Ganem deseja boas festas.

Neste ano, o Consulado-Geral em Miami buscou aperfeiçoar o atendimento ao público com a adoção do agendamento. Em seis meses de experiência, o resultado tem sido positivo. O atendimento se tornou muito mais ágil e eficiente, não sendo mais necessário esperar longas horas para obter o seu documento. Este procedimento permitiu, ainda, que o Consulado-Geral aumentasse o horário para o público. A maior prova da satisfação da comunidade brasileira são os elogios deixados no nosso site de agendamento, em que a aprovação dos serviços consulares pelas pessoas atendidas é de 95%. Naturalmente estamos cientes das dificuldades do público para encontrar vagas em razão da alta demanda, questão que pretendo solucionar na medida do possível no próximo ano.

O Consulado-Geral em Miami é a repartição pública brasileira que mais atende nacionais e produz o maior número de documentos no exterior. Ao mesmo tempo, a procura por nossos serviços aumenta a cada dia. Em 2016, produzimos 19.331 passaportes e dezenas de milhares de outros documentos. Até novembro de 2017, foram 21.323 passaportes emitidos. Essa crescente demanda traz novos desafios para que o Consulado-Geral mantenha o mesmo padrão de qualidade em seus atendimentos, mas asseguro todo o comprometimento de minha equipe em 2018 nesse sentido.

Em 2017, o Consulado-Geral realizou uma série de ações em benefício da comunidade brasileira na Flórida, contando com o apoio do Conselho de Cidadãos e de outras instituições comunitárias. Destaco o lançamento da cartilha “Como Empreender na Flórida”; as feiras educacional, cultural e odontológica; e palestras sobre empoderamento feminino e violência doméstica. Na área educacional, a visita do Ministro da Educação brasileiro marcou os esforços do Consulado-Geral em ampliar o ensino da língua portuguesa na Flórida. E fechamos o ano com a realização do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja), que se realizou na Flórida pela primeira vez. Em 2018, será criado grupo dedicado à expansão do português.

O Setor de Assistência a Brasileiros, por sua vez, tem prestado apoio para nacionais em necessidade, como em caso de prisão ou hospitalização, além de oferecer orientação jurídica e psicológica. Nesse sentido, foram publicadas, também, cartilhas de orientação aos brasileiros em situação migratória irregular, sobre violência doméstica e de prevenção ao suicídio. Esse foi um ano de grandes desafios em razão da passagem dos furacões Irma e Maria pela Flórida e Porto Rico, o que exigiu centenas de atendimentos pelo Consulado-Geral.

No conjunto dos demais setores, o Consulado-Geral buscou atualizar a imagem brasileira na Flórida, no viés de uma perspectiva positiva. De setembro a dezembro, o Consulado-Geral promoveu uma série de eventos, intitulada “Uma jornada por experiências brasileiras”,  que celebraram a forte presença brasileira na Flórida nas mais diversas áreas, como arte, arquitetura, negócios, cinema, dança, educação, moda, gastronomia, história, literatura, música, esportes, fotografia, teatro e turismo.  Foram realizadas ações em diversas cidades do estado, reunindo grande público.

As visitas do Ministro do Turismo e do Presidente da Embratur se aliam a essa estratégia de atualizar a percepção da população da Flórida quanto ao Brasil. Nesse aspecto, destaco, ainda, minhas reuniões com o governador Rick Scott, em que foi registrada a importância do Brasil para o comércio com a Flórida, assim como a contribuição da comunidade brasileira na economia local.

Por fim, o Setor Econômico e de Promoção Comercial (SECOM) tem realizado trabalho contínuo para estimular as exportações brasileiras, atrair investimento estrangeiro para o Brasil, promover o turismo nacional, apoiar o processo de internacionalização de empresas brasileiras e dar assistência aos empreendedores brasileiros já estabelecidos na Flórida. O SECOM registrou, em 2017, crescimento no número absoluto de consultas recebidas e, além de atender empresas e empresários brasileiros, vem também representado o país nas principais feiras e eventos de promoção de comércio internacional ocorridos na Flórida.

Em termos estatísticos, 65% das atividades do Setor estão voltadas para a elaboração de informações de inteligência comercial, tais como, pesquisa de mercado e informações para importação de produtos brasileiros aos Estados Unidos. O SECOM também apoiou e participou de 20 eventos e missões governamentais e empresariais por meio de auxílio logístico e realização de palestras informativas, divulgou feiras, produtos e serviços brasileiros, e atendeu cerca de 2.000 solicitações de cunho comercial.

Gostaria de reforçar que as sugestões e as críticas construtivas são sempre bem-vindas. Estamos abertos para discutir novas ideias e projetos que possam ajudar nossa comunidade a crescer e se fortalecer.

Desejo a todos boas festas e um próspero ano novo!

Fonte: Redação - Brazilian Times