Publicado em 1/04/2008 as 12:00am

Brasileiros escapam de cativeiro em NY

Os coiotes ameaçavam cortar os dedos caso eles não pagassem mais

Cinco brasileiros, que entraram ilegalmente nos Estados Unidos, conseguiram escapar de um cativeiro nas proximidades de Port Chester-New York, no sábado (29). Segundo as investigações policiais, eles conseguiram fugir depois de cinco dias trancados em um sótão, sem comida e constantemente sob ameaças.

Dois dos brasileiros, um com aproximadamente 30 e outro com 50 anos de idade, procuraram a polícia para denunciar o que estava acontecendo. Segundo eles, os coiotes estavam exigindo, de cada um, $2000.00 (pouco mais de de R$ 3.400,00). "Eles diziam que iriam cortar cortar nosso dedos se não pagássemos", se emociona um deles.

A polícia apurou que cada um dos brasileiros que estava sob cativeiro, havia pago uma quantia de $10,000.00 (cerca de R$ 17.100,00) para que os coiotes os trouxessem do Brasil até os Estados Unidos.

A fuga foi possível devido à um dos brasileiros estar de posse de um telefone celular e conseguir escapar e acionar o 911. A polícia conseguiu prender um dos coiotes identificado por John Ernest Guerrero (FOTO), de 22 anos, o qual pagou uma fiança de US$100,000.00 e responderá em liberdade.

No depoimento, eles relataram que "saíram do Brasil em direção ao México. Depois atravessaram a fronteira estadunidense utilizando o estado do Texas e em seguida foram levados de carro até Port Chester, em New York, onde foram mantidos cativos".

Dos cinco brasileiros detidos apenas dois foram encontrados pelos investigadores. Os outros três fugiram sem deixar paradeiro.

Fonte: (www.wnbc.com)