Publicado em 12/06/2008 as 12:00am

Brasileiro que invadiu o jogo do Brasil fala da repercussão de sua ação

Inácio conta como decidiu pular o alambrado e entrar no gramado.

Luciano Sodré

 

 

Cearense natural de Fortaleza, Inácio Cordeiro, foi uma das atrações durante a partida amistosa entre Brasil e Venezuela, que aconteceu dia 6 deste mês, no Gillete Stadium em Foxboro-MA. Ele invadiu o jogo aos 23 minutos do segundo tempo, conseguindo burlar o forte esquema de segurança montado pela diretoria do New England Revolution, clube dono do campo.

Em entrevista ao jornal Brazilian Times, Fortaleza, como Inácio gosta de ser chamado, disse que não esperava uma repercussão tão grande. "Eu já invadi algum jogos no Ceará, mas nunca me renderam tantos elogios, críticas e fama", brinca com a situação.

Ele tem 29 anos de idade, ele reside nos Estados Unidos, na cidade de Chelsea há pouco mais de três. Trabalhando como instalador de insulfim, Fortaleza, disse que a decisão de invadir o gramado surgiu na hora do jogo. "Após a partida ter início eu comentei que caso o Robinho fizesse um gol eu entraria no campo", disse, alegando que alguns torcedores duvidaram que ele fizesse isso.

Fortaleza continua seu relato, contando que ao perceber que estava difícil sair o gol da seleção brasileira, resolveu invadir. "Eu esperei que o segurança olhasse para outro lado e pulei o alambrado e corri na direção de Robinho", disse.

No momento em que Fortaleza abraçou o craque da seleção disse a seguinte frase: "eu gosto de você pra..." e neste momento Robinho retribuiu o abraço e disse: "Os caras vão te pegar ai velho". Após esta frase, o brasileiro se viu cercado por seguranças e foi jogado ao chão, sendo algemado.

Após ter sido controlado pelos policiais, Fortaleza foi conduzido à uma sala no estádio onde ficou com mais 10 brasileiros que haviam sido presos por outras infrações. "Eu fiquei lá até as duas da manhã do dia seguinte e depois fui levado para a delegacia da cidade, onde paguei uma fiança de $40.00 e fui liberado", explica.

Na segunda-feira (09) aconteceu a Corte de Fortaleza e ele foi condenado por desordem e invasão, tendo que pagar uma multa de $400.00. "Eu pedi um mês para levantar o dinheiro", continua.

 

 

REPERCUSSÃO

Diante do acontecido, Fortaleza sentiu-se "celebridade por alguns instantes". Isso porque ele está sendo procurado por diversos veículos de comunicação para dar entrevistas e muitos amigos e parentes que vivem no Brasil e o viram pela televisão, mandaram mensagens em seu Orkut. "Até mesmo uma conhecida que mora na Suíça me viu e mandou recado", fala salientando que está feliz porque maioria das pessoas não viram o ato de forma negativa.

Questionado quanto a possibilidade de cometer o mesmo ato novamente, Fortaleza disse que não se arrepende e que faria tudo de novo.

 

 

PROVA DE AMOR

Um dos destaques apontados por Fortaleza, mas que poucas pessoas e "nem as câmeras de televisão registraram, foi que após os seguranças terem o dominado e o jogado ao chão, sua namorada também pulou o alambrado para o ajudar. Mas ela não teve sorte e foi presa assim que pulou". Fortaleza mora com ela e mais alguns amigos e ele pediu para não divulgar o nome dela.

Fonte: (Brazilian Times)