Publicado em 30/06/2008 as 12:00am

Colunista Maurício Mendes recebe cidadania norte-americana

Dupla cidadania é concedida ao premiado colunista do jornal Brazilian Times

Por Elizabeth M. Simões

 

(Lowell-Massachusetts) Autor de mais de setecentas matérias jornalísticas e colunas dedicadas à reflexão da vida imigrante, o carioca Mauricio Mendes, recebeu o documento de cidadão norte-americano, na quarta-feira (25). O processo de cidadania apresentado por ele incluia a apresentação de cartas de autoridades brasileiras que reconhecem e congratulam a sua iniciativa social, além citar prêmios e homenagens ao longo de sua carreira como escritor.

A documentação obtida através do termo chamado "Golden Process", permitiu que ele e toda a família fossem naturalizadas numa única oportunidade. Essa categoria de expedição, raramente, é concedida aos imigrantes, à menos que hajam razões especiais, tais como o seu legítimo apreço pela qualidade de vida comunitária.

Mauricio conseguiu destacar-se aqui e no Brasil. Foi responsável por projetos memoráveis como "Pau-Brasil" e muitos outros que contribuiram no resgate da cultura e do orgulho brasileiro. O ministro Gilberto Gil, foi uma das autoridades que apoiou o projeto e celebrou o plantio de diversas mudas da árvores do Pau Brasil, nos Estados Unidos.

 

Perfil- Mauricio Mendes, apaixonado por futebol, já pertenceu há equipe carioca e jogou com raça, "Ele realmente impressionava a torcida, sabia driblar bem e foi um atleta dinâmico", disse a sua esposa, Marly Mendes.

A música também é outra habilidade nata do mais novo cidadão norte-americano. Mauricio gravou três álbuns e vendeu mais de vinte mil cópias. Ele e a esposa conquistaram os fãs em Minas Gerais.

Já nos Estados Unidos, em 1990, ele investiu a sua energia e o seu carisma promovendo campanhas sociais para estimular a educação dos brasileiros imigrantes. Engajado, também empenhou-se em ampliar o banco de medulas óssea e apoiou os Olímpicos Especiais.

Ele detém um vasto currículo profissional e artístico que lhe confere conhecimento para articular bem os seus pensamentos e expressá-los na coluna "Coisas do Povão". Nesse espaço ele busca despertar o sentimento de pertencimento e projeção dos leitores imigrantes. "Admiro meu marido, ele sempre lutou para alcançar os seus objetivos, e conseguiu realizar mais uma meta com  sucesso. Ele merece, tem um coração lindo", emocionou-se Marly.

Fonte: (ANBT - Agência de Notícias Brazilian Times)