Publicado em 1/12/2008 as 12:00am

Líder comunitário recebe prêmio em solenidade

O carioca Júlio Braga recebeu no sábado, dia 29 de Novembro, o prêmio The Make a difference person of the year, que reconheceu a sua atuação frente à projetos sociais ligados a comunidade brasileira

Por Marcelo Zicker 


Em mais uma demonstração de reconhecimento e congratulação à grandes líderes da comunidade brasileira residente nos EUA, o  The 7th Annual Make A Difference  Night Gala ocorreu no Anthony’s em Malden promovendo um jantar beneficiente do Programa de Prevenção e Educação do HIV - AIDS em Língua Portuguesa do Cambridge Health Alliance. O evento, que completa a sétima edição, reuniou médicos e enfermeiras do Hospital De Cambridge em Massachusetts, voluntários do programa, e contou com a presença do Senador Anthony Gallucci.

 

Há muitos anos abraçando causas sociais, principalmente envolvendo jovens,  o carioca Júlio Braga recebeu o prêmio The Make a difference person of the year  que seleciona o destaque do ano entre os 20 voluntários que fazem parte do programa . “`Foi um presente, um prêmio de grande importância como esse valoriza a identidade da nossa comunidade, e ainda mais por contemplar um membro da mesma. Reconhece e incentiva a atuação social dentro do nosso grupo” afirma o carioca. Para ele porém, é preciso ter cautela na escolha dos ‘homens de frente’ , nas lideranças que atuam em prol dos seus conterrâneos. “ Tem muita gente tido como ‘líder’ que não tem o compromisso necessário com os anseios dos brasileiros que aqui vivem. São colocados em tal situação muitas vezes qualificação, pelo status social” alerta Júlio.

 

 

Atuação

 

Toda o dinheiro arrecadado dos ingressos do jantar ( $35) vai ser utilizado no custeio de novos eventos e projetos que atuem na prevenção do HIV.  “ Ao longo do ano, os voluntários atuam em eventos beneficientes, feiras de saúde, em ações de divulgação, de aconselhamento e  oferecendo teste gratuito. A função primordial do grupo é alertar para a gravidade da doença e promover a conscientização” explica Mariete Campiteli, coordenadora do programa Programa de Prevenção e Educação do HIV - AIDS em Língua Portuguesa do Cambridge Health Alliance.

 

Fonte: (ANBT - Agência de Notícias Brazilian Times)