Publicado em 8/12/2008 as 12:00am

Saia do "foreclosure" agora! Empresário bem sucedido explica a solução

Brian David é de Malden, Massachusetts e formou-se pela Suffolk University de Boston, onde obteve o diploma em Administração de Negócios e Finanças (Business Finance and Management)

Brian David é de Malden, Massachusetts e formou-se pela Suffolk University de Boston, onde obteve o diploma em Administração de Negócios e Finanças (Business Finance and Management).

Depois de haver trabalhado em diversas instituições financeiras, decidiu abraçar uma carreira no mundo imobiliário e fundou sua própria empresa, a Brian David Realty Group. Para obter mais experiência neste mercado, ele também fez o curso de certificação em CBR “Certified Buyer’s Representative, LMC “Loss Mitigation Certification”. No início, trabalhava com o mercado imobiliário tradicional, representando compradores e vendedores.

Entretanto, teve que se adaptar às novas condições econômicas e passou a trabalhar com compradores em litígio com os bancos credores e que estavam atrasados no pagamento de suas hipotecas. Ele descobriu, logo no seu primeiro caso, que uma família (americana) estava com dificuldades para pagar a hipoteca da casa, porque o empréstimo tinha sido feito no sistema variável. Isso quer dizer que em poucos meses, eles estavam pagando um valor mensal mais alto do que o original e que, alguns meses pela frente, teriam que pagar ainda mais…

 

Mas não se trata de mágica

O homem e sua esposa perceberam que não poderiam manter a casa, já que o mercado balançava demais e não havia mais sentido em ser proprietário de uma casa naquele momento. Então, Brian lhes ofereceu a solução. Negociou com o banco, que comprou a casa pela metade do preço original e perdoou a dívida anterior dos compradores. Essa negociação demorou meses, mas naquele mometo, Brian descobriu que tinha descoberto uma vocação. Desde aquele dia, tem ajudado muitas famílias em dívida com suas hipotecas atrasadas e procurado evitar o “foreclosure”.

Esse tal de “foreclosure” é o fantasma do momento. E muita gente tem passado por esse pesadelo, entendendo o perigo assim que deixa de fazer os pagamentos da hipoteca (mortgage).  Para quem se preocupa com o crédito, essa é a pior coisa que possa acontecer, pois o deixa com problemas (no crédito) por muitos anos e o impede de comprar um carro, receber cartão de crédito e até mesmo torna-se difícil alugar uma casa.

O pior do “foreclosure” é quando o proprietário descobre que, além de ser obrigado a pagar todos os atrasados, também precisa pagar os juros, custo dos advogados, as comissões do agente imobiliário e até mesmo a taxa do oficial de justiça que vai na casa entregar o papel da “eviction”, quando finalmente o dono é expulso da casa que achava que era sua. Todos esses custos são adicionados à dívida e quando você vê, o banco e os cobradores estão correndo atrás desses pagamentos, deixando você em maus lençóis.

 

Não deixe para amanhã o que pode fazer hoje!

Neste sentido, o que o Brian pode fazer para alguém que esteja vivendo o drama do “foreclosure”, é o seguinte: ele negocia com o banco para você. Na verdade, esses bancos estão mesmo interessados em continuar emprestando e têm interesse em negociar!

A maioria das pessoas acredita que ainda possa segurar a casa sozinha, esperando uma melhoria do mercado, mas quando cai na real, o dinheiro quase já não é o bastante para as compras da semana e as contas das “utilidades” mensais. 

Brian Davis está à disposição de qualquer pessoa que esteja atrasada em seus pagamentos de mortgage ou mesmo aquelas que sintam que vão ter que parar de pagar em pouco tempo. Não deixe para amanhã o que deve fazer hoje! Sem cobrar a visita, o ele irá à sua casa para responder a todas as suas perguntas e explicará o que pode ser feito.

Com esse tipo de atendimento, ele tem conseguido ajudar inúmeros brasileiros em situação de “foreclosure” e outras dificuldades financeiras. No escritório do Brian trabalha um brasileiro, o Gleison, que atende no telefone 1-877-871-9071, toll free.

Há uma boa chance de você voltar a obter seu crédito e ter uma bela opção para recomeçar. Ligue pro Brian, ele entende do assunto e quer lhe ajudar! Mas, lembre-se, não existe mágica nesse tipo de negócio. Se você acha (agora) que entrou numa “roubada” quando assinou o contrato, procure ajuda para sair da fria…e a hora é essa!

Fonte: (Da redação)