Publicado em 11/01/2009 as 12:00am

Família procura brasileiro que não faz contato há anos

Os familiares do paranaense Ésio Silva de Almeida enviaram uma carta ao consulado brasileiro em San Francisco pedindo ajuda para descobrir o paradeiro dele nos Estados Unidos, que está há anos sem fazer contato

Os familiares do paranaense Ésio Silva de Almeida enviaram uma carta ao consulado brasileiro em San Francisco pedindo ajuda para descobrir o paradeiro dele nos Estados Unidos, que está há anos sem fazer contato. As irmãs de Ésio, Beatriz e Eliana, que hoje vivem em São Paulo, contam que ele veio para a Califórnia depois do casamento com uma americana, em 1982. Durante muito tempo, o paranaense enviou cartas e fotos aos parentes no Brasil, mas a comunicação cessou nos últimos anos.

“Já esgotamos todas as possibilidades daqui de onde estamos. Agora, só com a ajuda das autoridades brasileiras aí nos Estados Unidos e a partir de informações de conhecidos conseguiremos encontrar nosso irmão”, disse Eliana, por telefone. Ela enviou em agosto de 2008 uma carta ao consulado, fornecendo todos os detalhes da trajetória de Ésio aqui na América, desde endereços, como telefones de conhecidos.

Beatriz lembra que Ésio sofreu um grave acidente de moto e teve fratura dentária, mas que logo depois manifestou o desejo de passar o Natal no Brasil. “Desde então não sabemos o que aconteceu. Nesse período, meus pais morreram sem saber o que aconteceu”, lamentou a irmã. A família tenta manter o pensamento positivo em relação ao assunto, mas está preparada para receber a pior das notícias.

Ésio se separou da mulher em 1986, mas o casal teve dois filhos (um casal, Eric e Nicole). Nesta época, ele voltou a fazer parte da congregação da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, na Califórnia. “Ainda fizemos contato com a ex-mulher, em 2006, mas ela não nos deu notícias dele”, escreveram as irmãs na carta ao consulado.

Quem souber detalhes sobre o paradeiro de Ésio pode enviar um e-mail para os sobrinhos do brasileiro, Denise e Evandro: denise.almeida6@ig.com.br e evandrovsky@ig.com.br, ou mesmo para a redação do jornal  (news@braziliantimes.com).

Fonte: (acheiUSA)