Publicado em 15/01/2009 as 12:00am

Baby-Sitter brasileira é acusada de espancar bebê e foge

A polícia de Norwood - MA, está procurando a brasileira Sueli Soares, de 30 anos , acusada de espancar um bebê recém-nascido do qual estava sob sua responsabilidade

A polícia de Norwood - MA,  está procurando a brasileira Sueli Soares, de 30 anos , acusada de espancar um bebê recém-nascido do qual estava sob sua responsabilidade.


Sueli Soares, 30, moradora da 44 Dean St. em Norwood, foi contratada em novembro por Huyrian Marcelino e Michele Scott para cuidar de seu bebê recém-nascido . O casal se mudou para um apartamento em Windsor Gardens em agosto, pouco antes do nascimento da criança. Segundo o porta-voz da  Polícia de Norwood, Paul Bishop, Sueli fez uma chamada para o Departamento de Polícia Norwood na noite do dia 30 de Dezembro para informar que o bebê "não reagia" enquanto era alimentado.

Após exame na Caritas Norwood Hospital, os médicos afirmaram que a criança tinha sofrido ferimentos graves, incluindo fraturas do crânio e contusões, e exigiu imediata atenção pediátrica, sendo transferido para o Children's Hospital, em Boston. Os médicos disseram ter encontrado o bebê com três vértebras quebradas, e confirmaram que as lesões sofridas foram condizentes com a versão  de que a criança foi segura ao redor do tronco e da caixa toráxica, sendo agitada intensamente, procedimento comumente conhecido como "síndrome do bebê sacudido."

O Departamento de Crianças e Famílias, o antigo Departamento de Serviços Sociais, foi autorizado a realizar um inquérito para determinar quem foi o responsável pelas lesões à criança. Segundo detetives, foi realizada uma entrevista com Sueli, na qual negou ter prejudicado o bebê e reiterando a sua alegação de que tentou ‘reaver’ a consciência da criança. Durante o  processo de investigação, descobriu-se que Sueli estava ilegal no país, com  o visto vencido há três anos.

Outra versão

 

Algumas pessoas próximas à Sueli, dizem não acreditar na culpa da mineira de Central de Minas. “ Conheço ela já faz muito tempo, e não acredito que ela seria capaz de uma atrocidade dessas. Ela tem dois filhos e sempre foi super carinhosa com as crianças, sei que ela não teve culpa de nada” diz S.G, que foi vizinha de Sueli. Outra pessoa muito próxima da mineira  e que demonstrou o mesmo espanto com a notícia , foi  Euzilene Ferreira,  que tem convicção que tudo não passa de um engano. “ Jamais Sueli seria capaz de fazer isso, ela é uma pessoa muito querida e humana, não faria algo tão brutal” afirma com a mesma certeza da inocência. Euzilene ainda ousa em dizer que os pais podem ter sua parcela de culpa. “ Quem garante que essa criança era bem tratada pelo seus pais ou por parentes ? Culpar uma pessoa como a Sueli por um crime desse sem questionar esse ponto é um absurdo. Conheço ela e acredito que a justiça será feita. Ela fugiu no desespero, por não saber o que fazer” pontua a mineira de Governador Valadares.

 

Foragida


Ao contactá-la para mais um depoimento semanas após o incidente, a polícia se deparou com a casa vazia. Além disso, o filho de Sueli não frequentava a escola já fazia umas semanas. "Ela pode ter fugido da cidade e até mesmo do país”, disse o porta-voz da polícia de Norwood.
Qualquer pessoa com informações sobre Sueli Soares paradeiro é encorajado a entrar em contato com o Departamento de Polícia em Norwood (781) 440-5100.

Fonte: (ANBT - Agência de Notícias Brazilian Times )