Publicado em 26/01/2009 as 12:00am

Assistência jurídica gratuita para imigrantes em Milford ? MA

Programa na cidade prevê assistência jurídica gratuita à imigrantes que tem dificuldades em procurar serviços públicos por barreiras da língua e da cultura

Por Marcelo Zicker

 

Muitos imigrantes tem encontrado dificuldades em ter acesso a serviços jurídicos devido a barreiras linguísticas ou de falta de dinheiro, mas um organismo jurídico de Worcester - MA gostaria de mudar isso.

A `Legal Assistance Corp. of Central Massachusetts` , que fornece gratuitamente serviços jurídicos a residentes de baixa renda do Condado de Worcester, enviou um advogado para chegar à cidade que abriga muitos imigrantes brasileiros e equatorianos.

Os equatorianos e brasileiros são os imigrantes com maior concentração em Milford - MA e muitas vezes, quando chegam, são vítimas de desconfiança e animosidade.

A advogada Nina Sa, que fala espanhol e português, já iniciou reuniões com a comunidade imigrante , mas se mostra  preocupada com o que tem visto até agora. "Há problemas sérios", disse ela. "Estamos preocupados com a rejeição dessas pessoas em procurar ajuda ou algum serviço público por medo” afirma.

Por agora, Nina continua reunião com líderes cívicos para aprender sobre as necessidades dos imigrantes, mas nas próximas semanas, ela planeja realizar apresentações e seminários sobre direitos e serviços jurídicos em igrejas e outros locais frequentados pelos imigrantes. “ Informar os imigrantes sobre os seus direitos é importante” , disse ela. “  Muitos estão familiarizados com o sistema de justiça dos EUA. Além disso, muitos não sabem, mas há assistência jurídica gratuita entre os serviços disponíveis” completa. Ela também irá trabalhar em casos individuais de imigração com base em preocupações humanitárias, com refugiados e entre aqueles que pediram  asilo político

Para a advogada,   o esforço é logicamente motivado por angariar um  número maior de clientes em Milford e outros locais distantes da sua sede principal do seu escritório em Worcester. "Estamos tentando periodicamente nos certificar de que estamos falando para  pessoas que podem não ser capazes de vir ao nosso escritório", disse o advogado gestão Faye Rachlin. "Queremos servir as pessoas que não podem ter acesso ao transporte para vir ao nosso escritório ou podem não saber sobre nós. A empresa possui um escritório no Centro de Altos Milford, mas muita gente não sabe”  disse Sá.

Fonte: (ABNT / MetroWestDailyNews)