Publicado em 2/02/2009 as 12:00am

Empregadora em New Bedford é julgada por contratar indocumentados

A gerente da fábrica de objetos de couro Michael Bianco Inc em New Bedford, na qual houve uma batida em 2007 por agentes de imigração

A gerente da fábrica de objetos de couro Michael Bianco Inc em New Bedford, na qual houve uma batida em 2007 por agentes de imigração, pegou 2 anos de “probation”, por sua participação na contratação de imigrantes ilegais.  Dilia Costa, de New Bedford, era gerente de produção da empresa.

Ela assumiu a culpa em outubro e foi acusada de acobertar e oferecer trabalho a imigrantes ilegais. Nos primeiros seis meses, ela ficará em prisão domiciliar.  O ex-dono da fábrica, Francesco Insolia, pegou 12 meses de prisão e ainda será obrigado a pagar 1 milhão de dólares em multas.

Fonte: (ANBT - Agência de Notícias Brazilian Times )