Publicado em 26/03/2009 as 12:00am

Radialista faz pesquisa com sugestões dos imigrantes

O radialista Gaspar Reis de Massachusetts decidiu elaborar uma pesquisa para mostrar quais as reivindicações mais importantes dos imigrantes

   

Logo após o presidente Barack Obama defender na quarta-feira, 18, na Califórnia, uma reforma migratória "integral" nos Estados Unidos, embora alegando que os imigrantes indocumentados "não terão um caminho fácil" no país, o radialista Gaspar Reis decidiu ‘ajudar os dois lados envolvidos na história’. Para isso, ele elaborou uma pesquisa para mostrar ‘quais as reivindicações mais importantes dos imigrantes e como eles podem cooperar para a agilização do processo de legalização’.

                Reis colocou um email para a recepção de sugestões para a reforma e pretende enviar o resultado da pesquisa ao presidente Barack Obama em 30 dias. “Acho que será mais fácil as pessoas discutirem ouvindo também o lado dos imigrantes. Não adianta apenas especular, tem que ser feito alguma coisa. E estou fazendo a minha parte”, disse ele.

                Obama afirmou em seu discurso em Costa Mesa, na Califórnia, que ‘é preciso dizer para os imigrantes ilegais que eles violaram a lei. Não vieram até aqui pelo caminho correto (...) Terão que pagar uma multa significativa. Vão aprender inglês, vão para o final da fila para não prejudicar quem entrou no país corretamente".

                E acrescentou: "Depois que fizerem isto, por um certo tempo, poderão obter a cidadania, mas não é algo garantido e nem automático. Tem que ser conquistado, mas vamos lhes dar uma oportunidade".

                Para Reis, a medida do presidente já é um grande passo, mas ninguém pode ficar apenas esperando que as boas notícias cheguem. “Se as pessoas querem algo positivo, devem correr para conquistá-lo”, afirmou o apresentador do programa Louvor e Saudade, da Rádio 650 AM.

A ideia de Reis é receber por email ou telefone as informações e reivindicações e mostrar à Casa Branca quais os caminhos reais para integrar o imigrante à sociedade. “Não adianta discutir sem ouvir as massas. Sou parte do povo e quero mostrar a nossa realidade”, disse o radialista que pretende mandar na última semana de abril a carta com o resultado de sua pesquisa para a Casa Branca.

Em 2007, ainda como senador, Obama votou a favor da reforma migratória. Depois, transformou o assunto em um dos principais pontos de sua campanha eleitoral junto à comunidade hispânica, cujo voto (66% de 10 milhões de eleitores) foi decisivo na eleição de novembro passado.

O email disponibilizado por Gaspar Reis para atender à comunidade brasileira é gaspar.usa@hotmail.com

Fonte: (Da Redação)