Publicado em 9/04/2009 as 12:00am

Brasileiro que morou em Massachusetts é preso na Flórida

Ele estava há 20 anos foragido do Brasil, acusado de matar um policial brasileiro em Vitória ? ES. Ele foi preso em sua casa, em Deerfield Beach - FL

 

O brasileiro João Maximiano de Oliveira,  responsável pelo assassinato de um policial brasileiro há 20 anos , estava foragido e foi preso em Deerfield Beach, segundo informações do  FBI.

O brasileiro de 49 anos, foi pego sob custódia na madrugada de quinta – feira após um mês de investigação , de acordo com o agente especial David Billitier do FBI – Fugitive Task Force. Segundo o agente, o capixaba é acusado de atirar contra um policial com uma arma calibre .22 durante uma emboscada em Vitória – ES, em crime ocorrido há duas décadas.

Foragido

Após cometer o crime, ele adentrou ilegalmente os EUA em 1991, e residiu na Flórida por mais de 15 anos. Na Flórida, ele trabalhou como ‘handyman’ e consertando e vendendo carros. Ele também alugava apartamentos para outros brasileiros em Broward County. Apesar do crime, ele não tinha históricos de prisões nos EUA e teve dois filhos com a mesma mulher.  “ Ele estava bem estabilizado vivendo nos EUA” afirmou o agente David.

Contato da polícia brasileira

As autoridades da Flórida começaram  a procurar pelo acusado após a polícia brasileira contactar o FBI no Brasil e ouvir suspeitas de que ele estaria vivendo na Flórida. Após alguns meses, os investigadores descobriram algumas casas das quais o brasileiro estaria alugando e conseguiram identificar o seu paradeiro. Eles o acharam em sua casa em Deerfield Beach, onde ele foi preso com a ajuda da polícia de Fort Lauderdale, do Broward Sheriff's Office e do ICE.

Autoridades do ICE em conjunto com a polícia brasileira estão atuando para realizar o retorno do capixaba ao Brasil.

Fonte: ( Miami Herald)