Publicado em 2/05/2009 as 12:00am

Ministro Mantega é premiado em Nova York

Guido Mantega recebeu na última terça-feira em Nova York um prêmio oferecido pela Brazilian American Chamber of Commerce


Por Miguel Archanjo
 

Guido Mantega recebeu na última terça-feira em Nova York um prêmio oferecido pela Brazilian American Chamber of Commerce, em reconhecimento da sua liderança no fortalecimento

entre as relações comercias entre o Brasil e os Estados Unidos. O evento contou com a presença de vários empresários brasileiros e norte americanos. O ministro da fazenda Guido Mantega, disse durante o evento que o governo brasileiro esta tomando medidas anti-crise. “O Brasil sentiu a crise no último trimestre.”, declarou o ministro. Guido Mantega viu a receita brasileira despencar nos últimos três meses. “A crise é violenta, profunda e exige uma ação muito forte do governo.” disse o ministro em Nova York, mas ele acredita que o mercado interno esta robusto no Brasil ao contrário do cenário externo. A idéia do governo é abrir mão de parte da arrecadação de impostos para que a atividade produtiva se recupere. Mantega comentou a redução do IPI(Imposto sobre Produtos   Industrializados) para os automóveis em dezembro de 2008 e a rápida resposta do consumidor brasileiro com a ação do governo. “Quando reduzimos o IPI, a

população reagiu rápido”, disse Mantega durante a coletiva após o evento. A venda de veículos no

Brasil atingiu o melhor trimestre da história após o governo anunciar o desconto do tributo. O ministro da fazenda brasileiro também afirmou que o país esta preparado para tomar medidas anti-ciclicas, cujo o objetivo é fortalecer a economia brasileira durante a crise. “No momento existe uma melhora pontual.” disse o ministro da Fazenda . O ministro do Planejamento Paulo Bernardo, também esteve presente no evento e falou sobre o programa do governo Brasileiro “Minha casa Minha vida”. Paulo Bernardo ressaltou o crescimento, as reformas e a inclusão social no Brasil durante a gestão do  governo Lula. O programa de habitação Minha casa minha vida tem como objetivo finaciar moradia pra as famílias brasileiras de baixa renda e espera-se um efeito razoável sobre a economia gerando 500 mil novos empregos formais e segundo um estudo da FGV(Fundaçao Getulio Vargas), um crescimento de 0, 7% do PIB brasileiro. O brasileiro que mora nos Estados Unidos, segundo o ministro, também terá acesso ao programa caso sua família permaneça no Brasil e atenda os requisitos para a adesão ao programa.

Fonte: (Da redação)