Publicado em 17/06/2009 as 12:00am

Carro de brasileiro invade parque e atinge 5 carros em CT

O veículo conduzido por Valteir Cardoso fez dos outros veículos "pinos de boliche"

 

Por pouco um acidente protagonizado pelo brasileiro Valteir Cardoso, na manhã de domingo (14), não terminou em grande tragédia. Segundo as pessoas que estavam no parque War Memorial, em Danbury – Connecticut, Valteir, que tem 20 anos de idade, passou com seu veículo passando em alta velocidade, acertando outros carros que estavam nas imediações. “Parecia uma bola de boliche acertando os pinos”, relata uma testemunha.

Os policiais que atenderam a ocorrência, ao verem o resultado do acidente, afirmaram que o número de vítimas poderia ter sido maior.

Pelo menos cinco carros foram atingidos neste acidente e “o BMW conduzido por Cardoso, entrou no parque à uma velocidade de 100 milhas por hora”, informou uma testemunha.

Chris Neagu, de Danbury, disse à um jornal de língua inglês, “que o brasileiro parecia estar louco”.

O War Memorial não é muito usado aos domingos, mas havia alguns carros estacionados nas imediações, pois equipes de softbal treinam nos 3 campos existentes no local. Depois do acidente outras atividades foram canceladas no parque.

Por sorte o acidente não registrou nenhuma morte. Apenas uma vítima – Cardoso que foi internado em estado grave no Danbury Hospital.

A cena deixou as pessoas que estavam no parque, abaladas. “Eu estava trabalhando com uma equipe quando ouvi o estrondo. Fomos ver o que estava acontecendo e um pára-choque de um dos carros foi lançado há 50 metros”, comenta DeJulia, que estava preparando um dos campos para um jogo que aconteceria na parte da tarde. “Senti muito medo”, continuou.

Quando a equipe de resgate chegou ao local, os bombeiros tiveram que cortar o teto do BMW para retirar Cardoso das ferragens. O porta-voz da polícia local, Capitão Thomas Wendel, disse que ainda não é possível afirmar com exatidão o que teria causado o acidente. “Cardoso ainda estava inconsciente, quando policiais o visitaram, na segunda-feira (15).

O oficial Brevard Lance está investigando o caso e pede para que qualquer pessoa que possa ajudar entrar em contato através do telefone (203) 797-2156.

Fonte: (Da redação)