Publicado em 22/06/2009 as 12:00am

Brasileira presa pela Imigração terá chance de se tornar legal no país

Após exceder limite de velocidade na I-95 na Flórida e não possuir carteira de motorista válida, a brasileira Pérola Machado passou 2 meses presa. Após ser absolvida do processo, ela planeja se legalizar no país

 

Detida há dois meses por dirigir sem carteira de motorista e por excesso de velocidade, a brasileira Pérola Machado, foi julgada e absolvida e agora segue em liberdade em Pompano Beach – FL.

 

A brasileira Pérola, que trabalhava num restaurante brasileiro em Lighthouse Point na Flórida, foi detida em Abril pela quarta vez após ultrapassar o limite de velocidade na I-95 e estar de posse de uma carteira de motorista vencida. Segundo depoimentos da família, especialmente da sua mãe, Glória Thomas, ela passou por um dos piores períodos da sua vida, estando inclusive recém-operada na época da sua prisão. Glória chegou a promover um jantar beneficiente e fez forte manifestação para mobilizar e sensibilizar a comunidade brasileira com a situação da filha.

 

 Após a sua absolvição no julgamento, ela esperava que a deportação era certa mas no final ela teve sua liberação permitida e agora pensa ou retornar para o Brasil e talvez até mesmo tentar se regularizar no país.  ”Eles me disseram que, no meu caso, as chances de eu me legalizar são bem grandes por eu ter entrado no país pelo aeroporto e por já estar vivendo no país por mais de dez anos”, comentou a brasileira ao jornal AcheiUsa. Ela foi salva pela ação de seu advogado, o qual evitou que Pérola fosse transferida para o Texas. "Na verdade, eu deveria ter sido liberada duas semanas depois de ter sido presa, mas os responsáveis pela cadeia me retiveram porque eut possuía um immigration hold emitido pelo Departamento de Imigração” completou no depoimento ao jornal.

 

Fonte: (Da redação)