Publicado em 1/07/2009 as 12:00am

Mineiro, nos EUA, denuncia corrupção no Brasil em livro

Devair Lucas escreveu um livros contando os podres de algumas organizações

 

Por Luciano Sodré

 

Já está nas principais lojas brasileiros nos Estados Unidos o livro “A Hora da Verdade”, escrito pelo mineiro de Governador Valadares, Devair Lucas, 49. Como o próprio nome da obra diz, “chegou o momento de colocar às claras o que muitos políticos e pastores evangélicos estão fazendo”.

Devair tem uma vida de perseguição, sofrimento e por diversas vezes tentaram tirar-lhe a vida devido ele “saber demais”. O valadarense conta que o livro, além de denunciar um grande grupo de corruptos, relembra os piores momentos de sua vida. “Talvez este livro seja o último ato que eu faça para acordar a comunidade para os desmandos e armações destas pessoas, pois sei que minha cabeça está a premio”, fala fala salientando que não teme as ameaças e que “não pode se calar”.

Quanto ao livro, Devair fala que antes mesmo de sua publicação, mais de 40 mil haviam sido reservados. “Mas o que me deixa mais feliz não é o sucesso na vendagem da obra e sim poder abrir o jogo e denunciar o que eu acho estar errado”, continua.

Conforme relata o livro, os problemas de Devair iniciaram quando conheceu o deputado Lael Varela, em 1994. “Eu o conheci devido estar interessado em terras pertencentes ao político. Firmamos um contrato de compra e venda (cópia está no livro) e firmamos 10 pagamentos de $35 mil pela negociação de oito alqueires e meio da propriedade que media 300 alqueires”, explica.

Segundo Devair, a intenção era dividir o terreno adquirido e transformá-lo em um condomínio de chácaras. Logo após a negociação firmada iniciaram a demarcação do local, abertura de ruas e início da infraestrutura. “Em pouco tempo conseguimos vender todas e pagamos as 10 parcelas estipuladas no contrato com o Deputado”, relata Devair.

Mas o pesado do mineiro começou quando descobriu que as terras tinham um alqueire e meio a menos do que rezava a escritura. “Procuramos o deputado Lael e ele nos prometeu que iria averiguar o erro”, conta salientando que foi a partir deste motivo que iniciou sua vida de sofrimento. “Fui perseguid, preso e torturado. Sofri demais”, se emociona ao lembrar.

O restante da história Devair expõe no livro que podem ser adquiridos em diversas lojas brasileiras e no site www.ahoradaverdade.com

Fonte: (ABTN - Agência Brazilian Times de Notícias)