Publicado em 15/07/2009 as 12:00am

Time brasileiro é campeão nacional de Futsal nos EUA

Depois de ser campeã do torneio regional de futsal em New York, a equipe Safira conquistou o Campeonato Nacional que aconteceu na cidade de Baltimore, em Maryland,

 

Depois de sagra-se campeã do torneio regional de futsal em New York, a equipe Safira ganhou o direito de participar do Campeonato Nacional que aconteceu na cidade de Baltimore, em Maryland, entre os dias 9 a 12 de julho. Participaram equipes de diversos estados norte-americanos, além de um representante do Canadá

A Safira Futsalzinha inicou os treinamentos em Massachusetts há quatro meses e os jogadores participavam de treinos coletivos pelo menos três vezes por semana. A equipe foi sorteada um dos grupos mais fortes da competição, onde tinha o Toronto Cruz Azul Futsal (cinco dos jogadoresa pertencem à seleção canadense), CMMF Starz (equipe da casa) e Di Bufalla Futsal.

No jogo de estreia a equipe da Safira acabou perdendo para o Toronto pelo placar de 3 x 2, mas conseguiu vencer os outros dois adversários, garantindo a segunda posição na chave.

Nas quartas-de-final, a equipe do safira jogou contra o New Jersey AKKA, que tinha ficado como primeira colocada do outro grupo. Foi um jogo bastante difícil, mas os representantes de Massachusetts venceram a partida por 4 x 2, passando para a semifinal.

Faltando apenas mais uma partida para decidir o título, a Safira encarou na semifinal o GFC, também de New England. Este jogo foi mais tranquilo e a equipe conseguiu passar sem dificuldades com o placar de 3 x 0.

A Safira foi para a decisão do título contra a California DCFA, que conseguiu eliminar a forte equipe representante do Canadá, na semifinal.

A partida final aconteceu no dia 12, na sua grande maioria formada por brasileiros e representando o estado de Massachusetts sentiu muita dificuldade durante o jogo, pois a equipe da Califórnia havia feito um selecionado de jogadores de diversos estados e apresentando um forte esquema tático.

O placar foi aberto pela equipe adversária, mas depois de muitas tentativas, o Safira conseguiu empatar a partida por 1 x 1. Mas a equipe de Massachusetts foi se envolvendo no jogo e se deixando levar pelos jogadores da Califórinia, que marcou mais um deixando o placar 2 x 1. Em poucos instantes o jogo estava 4 x 1 para a California.

André Ferreira, técnico e jogador da equipe, disse que achou que estava tudo acabado quando o Safira levou o quarto gol. “Mas ter chegado à final já era uma grande conquista”, pensava ele.

Estava faltando cinco minutos para terminar a partida e o placar permanecia 4 x 1 para a Califórnia, foi então que o Safira conseguiu fazer seu segundo gol e logo depois o terceiro. Isso animou os jogadores que já estavam por entregar os pontos. Com o placar de 4 x 3, a equipe do safira partiu para cima do adversário e faltando 15 segundos para acabar a partida aconteuceu uma falta contra a equipe da Califórinia. Pelo fato da adversária ter excedido o número de faltas, a cobrança seria tiro livre direto (sem barreira).

Sob a pressão da torcida adversária e ter a responsabilidade do título em seus pés, Guilherme cobrou com perfeição empatando a partida, levando a decisão para a prorrogação.

Neste momento, a euforia tomou conta do jogo, pois dentro de quadra os jogadores do Safira não se continuam de emoção e os torcedores começaram a fazer um barulho ensurdecedor.

Novamente a prorrogação foi marcada por muita emoção, com o placar terminando por 1 x 1, levando a decisão para os pênaltis.

Depois de conseguir sair do fundo do poço e praticamente virar o jogo, André já pensava em levantar a taça de campeão. O ginásio lotado se calou à espera da decisão nos pênaltis.

Foi então que a história mudou e o Safira se tornou campeão nacional pela United States Futsal Federation-USFF. Ela também foi a primeira equipe da New England a conquistar o torneio ao londo dos seus 24 anos existência.

Após o jogo, a equipe do safira ficou apelidade de “Guerreiros do Futsal”, pois travou uma batalha e quando todos pensavam que estava morta ela “ressurgiu das cinzas” e venceu o jogo.

Fonte: (Da redação)