Publicado em 30/12/2009 as 12:00am

Empresário adquire apts.em BH e já fala em novos investimentos

Quando Hiran de Oliveira ainda morava em Simonésia, Minas Gerais, a situação financeira era tão apertada que ele era "daqueles que namorava uma vitrine, via uma roupa e não tinha dinheiro para comprar.

 

Quando Hiran de Oliveira ainda morava em Simonésia, Minas Gerais, a situação financeira era tão apertada que ele era “daqueles que namorava uma vitrine, via uma roupa e não tinha dinheiro para comprar.”

A infância humilde numa família de seis irmãos não foi nada fácil. Oliveira foi criado numa fazenda, e diz que para comer o arroz no final de semana tinha que socá-lo no pilão. Aos 7 anos ele já ia para o curral tirar leite de vaca, aos 10 saiu de casa para estudar.

Oliveira, hoje com 52 anos, diz que cresceu muito com as dificuldades. Mas, depois de tentar dar uma vida digna à esposa e os três filhos como gerente geral do BEMGE e como dono de um posto de gasolina, Oliveira mudou-se para os EUA em 2001.

Foi morar num apartamento de sala, quarto e cozinha em Stoughton, Massachusetts. Mas logo que chegou anunciou para toda a família o seu objetivo: mudar do apartamento para uma casa própria.

“Aqui você tem que ter um projeto de vida. Se você chega aqui sem um projeto, todo dólar que você ganhar você não vai saber onde foi,” disse ele.

Oliveira cumpriu o prometido à família e assim que os negócio de limpeza de escritório melhoraram, comprou a primeira casa nos EUA em 2005.

“No Brasil, vendia R$ 1 milhão por ano no posto de gasolina. Mas aqui nós ganhamos dinheiro que nunca vimos no Brasil,” disse Oliveira.

Chegada a hora de começar a investir no Brasil, Oliveira ligou para uma imobiliária. Por causa da rotina corrida, ele explicou à corretora que preferia se reunir na sua própria casa. Mas diante da recusa da corretora, desistiu do negócio.

“Sempre ouvi o Tony Rodrigues, da SBVenue, falar na rádio. Ele me passa a segurança de quem sabe o que está falando,” disse Oliveira, que começou a negociar com a SBVenue.

No dia marcado, o gerente de vendas Cecílio Abdala chegou 15 minutos antes do horário. A pontualidade foi reconhecida por Oliveira.

O plano era comprar um apartamento na praia de Camburi, no Espírito Santo. Como foram apresentadas várias opções em imóveis, Oliveira resolveu comprar três apartamentos numa área nobre de Belo Horizonte, ao lado da Pampulha – um para ele, outro para esposa e o terceiro para a filha mais nova.

“Para a minha família, investir em imóveis foi a realização de um sonho. A maior satisfação é saber que em março de 2011 vou ver o que fiz com o dinheiro. Te dá tranquilidade para caminhar. Posso viver nos EUA a minha vida inteira, mas tenho que ter algo no Brasil,” disse.

Na verdade, Hiran de Oliveira investiu no mercado que mais cresceu no Brasil em 2009. Segundo relatório da Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), o grande vencedor em investimentos este ano foi o setor da construção civil, cujas ações subiram, em média, 204%, até dia 14 de dezembro.

Oliveira está satisfeito com a assessoria da SBVenue – empresa sediada em Somerville, Massachusetts, que em 2009 cresceu 30% – e com o investimento que fez.

“Primeiro, eles são muito corretos, quando te oferecerem um negócio, não inventam história. Eles vêm preocupados com a sua satisfação, pude perceber isso neles. Você acaba fazendo amigos na SBVenue.”

“Belo Horizonte, além de ser um grande centro, é uma das capitais de maior crescimento no ramo imobiliário, prova disso os vários lançamentos que estão acontecendo por lá. As três unidades (do Hiran) são os melhores apartamentos no prédio com relação à posição solar,” disse Cecílio.

E para o brasileiro que ainda tem dúvidas sobre se deve investir em imóveis no Brasil, Oliveira tem uma recomendação. Ele calcula que entre a construção e a entrega das chaves ele possa ganhar valorização de 20 a 30% em cada imóvel que adquiriu. Ou seja, um dos imóveis pode vir quase de graça, e com o aluguel valorizado em BH, poderá pagar os investimentos sem aperto.

“Tenho certeza absoluta que daqui a um ano eu vou dizer o seguinte: ‘foi uma tacada de primeira, foi o melhor negócio que fiz na minha vida”, concluiu Oliveira.

Para obter mais informações, ligue para: 617 440 7380.

Fonte: (Da redação)