Publicado em 16/02/2010 as 12:00am

Enquete agita comunidade brasileira em MA

Depois que o jornalista Luciano Sodré lançou uma pesquisa em seu blog para a escolha dos candidatos a Representantes da Comunidade, outros veículos de comunicação seguiram o mesmo passo

 

Durante quatro dias, o blog A Voz do Imigrante, ficou dedicado às eleições para Representantes da Comunidade Brasileira junto ao Ministério das Relações Exteriores-MRE. A iniciativa do jornalista Luciano Sodré movimentou a comunidade brasileira e mais de dois mil votos foram computados. “Isso prova que a comunidade está interessada em participar do pleito eleitoral que ocorrerá entre os dias 15 e 30 de maio”, explica.

Luciano, que é o titular do blog, disse que ficou satisfeito com os resultados obtidos durante o período de votação desta enquete. “Estou me referindo ao ânimo despertado nas pessoas. Programas de rádio, entidades e até nas rodas de bate-papo, a enquete foi divulgada”, fala.

Quanto à segurança do resultado, o jornalista explica que utilizou o sistema de gerenciamento de enquetes fornecido pela polldaddy.com, um dos mais seguros no mundo. “Um computador podia votar apenas uma vez na enquete, pois tinha seu IP reconhecido”, afirma. Para o jornalista, o desfecho da enquete reflete o interesse dos brasileiros em ter um representante junto ao MRE.

Luciano conta que na sexta-feira (10), data prevista para encerrar a enquete, cerca de duas mil pessoas entraram no blog, “mas nem todas votaram, pois maioria já haviam participado”. Elas estavam lá esperando a divulgação do resultado que aconteceu pouco depois das 22 horas. “Quando o relógio marcou 22 horas em ponto, recebi alguns comentários para que finalizasse a enquete”, fala salientando que todos estavam eufóricos para saber o resultado, em números”, acrescenta.

Outra dúvida que o jornalista esclarece aos internautas foi o fato de o resultado em porcentagem chegar a 102%. A questão é que o sistema utilizado arredonda os números para uma maior facilitação, ou seja “se você obteve 0,60%, ele marca como 1%”.  Mas logo após o fechamento da enquete, o blog publicou o resultado com o percentual correto. “Quero salientar que tentei comunicar todos os nomes envolvidos na enquete, mas não consegui falar com todos”, complementa.

O jornalista já estuda a possibilidade de outra iniciativa que venha aguçar ainda mais a vontade da comunidade para ir às urnas no período eleitoral. “Minha vontade é fomentar e mostrar aos eleitores a importância de participar deste processo eleitoral”, fala.

Entre os muitos comentários que o blog recebeu durante o período de enquete o jornalista destaca este: “Esta foi a primeira enquete e, portanto, histórica. Deve fazer parte do patrimônio político da nossa comunidade”.

Fonte: (Da redação)