Publicado em 16/02/2010 as 12:00am

Família de senador preso pede apoio aos brasileiros

Preso desde janeiro após violar os termos de sua condicional, o senador Anthony Galluccio busca apoio entre a comunidade brasileira e imigrantes para provar a sua inocência

 

Conhecido por seu posicionamento em favor dos imigrantes e, principalmente, pelo suporte dado à comunidade brasileira em Massachusetts ao longo de sua carreira na política, o senador estadual Anthony Galluccio e sua família promoverão encontro no dia 24 de Fevereiro,  que visa arrecadar fundos a serem utilizados em um processo de apelação ao julgamento que definiu a sua prisão em janeiro passado, por violação dos termos de sua liberdade condicional.

Condenado pela acusação de atropelar, embriagado, um jovem de 13 anos e não prestar socorro em Outubro do ano passado, ele cumpria detenção domiciliar ( poderia somente comparecer em dias de votação no congresso e à igreja aos domingos) , utilizando uma tornozeleira - GPS, e tendo que fazer exames  periódicos para atestar a sua sobriedade. No dia 18 de Dezembro de 2009,  no momento da instalação do aparelho ‘bafômetro’ que deveria ficar em sua residência, ele fez um exame-teste. A leitura revelou um nível alcoólico acima do permitido, e Galluccio foi informado pelo técnico  que ele poderia ser submetido a um primeiro exame oficial em menos de meia hora. “ Não se preocupe, o aparelho pode acusar níveis diferentes nessa fase de calibragem” acalmou o técnico. Após realizar o exame e sem saber o resultado (só o Departamento de Condicional da polícia tem acesso aos níveis acusados no teste), ele se assustou quando, na manhã seguinte, foi intimado a comparecer à Côrte. No dia  4 de Janeiro,  o juiz Matthew J. Nestor, definiu que Galluccio violou a restrição ao consumo de álcool,  apenas três dias depois de condenado à prisão domiciliar . Alegando que a utilização de uma pasta de dente poderia ter interferido no resultado do exame, o senador não conseguiu provar a sua inocência e foi condenado a um ano de prisão na Middlesex House of Correction em Billerica, onde cumpre pena desde então.

No intuito de ajudar Galluccio na comprovação de sua inocência, a mãe e a irmã do senador, Nancy e Lissa Galluccio, respectivamente, estão convocando amigos, colegas e admiradores do trabalho de Anthony para viabilizarem um novo processo junto à justiça, na tentativa de revogar a decisão do juiz, ou ao menos diminuir a pena que lhe foi dada. “ Estamos agradecidos aos advogados Hassett, Kiley e Cintolo por estarem trabalhando duro e incansavelmente em favor de Anthony. Não vai ser fácil, pois apelar de uma decisão de violação de condicional é ainda mais difícil do que apelar do julgamento prévio” afirma a família em carta enviada à imprensa. “ Anthony tem dedicado 17 anos e meio de sua vida  em favor do povo , trabalhando sem medir esforços para ajudar aos menos favorecidos. Não é exagero dizer que ele ajuda pessoas diariamente. Seja como vereador, como prefeito ou como senador estadual, ele nunca desistiu das comunidades que ele representou. Os seus erros nunca nasceram de problemas com corrupção ou malícia, mas sim de problemas envolvendo o abuso do álcool. Porque a assistência psicológica ao seu vício não foi utilizada na sentença do juiz, mas sim a forte monitoração pelo bafômetro foi ?  Estamos aqui para apoiá-lo, não importa qual será o resultado da nova audiência” desabafou a mãe do senador na carta.

Entre os amigos do senador, o clima é de solidariedade. É o caso da advogada Sarah de Oliveira, que além de amiga pessoal do senador, foi testemunha de muitos projetos  promovidos por Galluccio em favor dos imigrantes. “O Sen. Galluccio tem sido um defensor constante da comunidade brasileira em toda a sua carreira pública. Ele já recebeu dezenas de brasileiros que tinham algum certo de problema, e ele sempre fez o que pode para ajudá-los, porque de fato ele tem um grande carinho pela nossa comunidade. Além disso ele esteve à frente de causas importantíssimas para os imigrantes, pleiteando a ‘in-state tuition’ para os imigrantes no estado ( permitindo que eles paguem o mesmo valor para o College que um americano tradicional) e atuando para sensibilizar o meio político acerca da urgência de uma ampla reforma imigratória” afirma Sarah. “ As pessoas precisam se lembrar que o senador Galluccio está na cadeia porque ele violou os termos de sua liberdade condicional, e não por causa do acidente ou por outro crime. Se o juiz realmente pensa que o senador Galluccio tem problemas sérios com o álcool, ele deveria ter enviado o senador a um programa de reabilitação para abuso de álcool. Ele fez o seu melhor para conseguir provar que ele não ingeriu bebidas alcoólicas, chegando até mesmo à solicitar um exame de sangue para comprovar a sua inocência. Mas não foi lhe dada a oportunidade para isso” completa a advogada.

O ‘Fundraiser for Galluccio Defense Fund’ será no dia 24 de Fevereiro, no Sheraton Commander Hotel, situado na 16 Garden Street  em Cambridge – MA, das 5.30pm às  7.30pm. No dia 9 de março, o restaurante Midwest Grill de Saugus – MA (situado na 900, Broadway), também promoverá um evento em favor do senador, das 6pm às 8pm.As pessoas que quiserem contribuir para a causa podem doar qualquer quantia nos dias dos encontros. O dinheiro será utilizado para ajudar a  pagar as despesas legais da apelação.

Fonte: (Da redação)