Publicado em 26/03/2010 as 12:00am

Jornalista do BT vence duas categorias no Press Award 2010

Pela segunda vez consecutiva o jornalista e colunista social Luciano Sodré venceu a categoria de "Melhor Colunista do Ano", entregue pelo Press Award

 

Pela segunda vez consecutiva o jornalista e colunista social Luciano Sodré venceu a categoria de “Melhor Colunista do Ano”, entregue pelo Press Award, O evento premia os destaques da imprensa brasileira nos Estados Unidos. Mas este ano, ele recebeu um prêmio a mais, o de melhor blog jornalístico (www.avozdoimigrante.wordpress.com).

Luciano ficou surpreso ao receber a notícia de que ganhou as duas categorias. “Eu não esperava vencer novamente como o melhor colunista, pois ano passado surgiram muitos profissionais de gabarito no mercado”, fala salientando que sua torcida maior era pelo blog. “Eu iniciei o A Voz do Imigrante em novembro de 2008 e este premio é uma coroação de um trabalho sério e que prisma pela verdade”, acrescenta.

O jornalista acredita que o prêmio de melhor colunista se deve ao fato de sua coluna social, a BT Flashes, publicada semanalmente pelo Brazilian Times, abordar todos os temas. “Eu procuro não criar um estereótipo da minha coluna, para que todos os leitores se identifiquem com ela”, explica. “Em minha opinião, o fato de ser publicadas agendas de shows, fotos de mulheres lindas, dicas sobre vários assuntos, fofocas de televisão e notas informativas são fatores preponderantes para eu ter vencido esta categoria”, continua.

Já em relação ao blog, Luciano fala que sempre zelou em mantê-lo atualizado. “Às vezes a correria do dia-a-dia não permitia que eu postasse algo nele. As pessoas entram em seu blog e se não vêm novidades, acabam deixando de acessá-lo”, explica. Outro ponto importante que ele destaca é a variedade de assuntos. “Quando o internauta entra no A Voz do Imigrante, ele tem opção de escolher, no arquivo, o tipo de assunto que lhe interessa, tais como vídeos, beleza da mulher brasileira, promoções, culinária, enquetes, entre outros temas”, fala.

Luciano Sodré, que há quase cinco anos trabalha para o Brazilian Times, destaca a importância da família Paiva nesta conquista. “Se eles não tivessem me dado a oportunidade de eu mostrar o meu trabalho, certamente não estaria nem concorrendo”, conclui.

Fonte: (Da redação)