Publicado em 5/07/2010 as 12:00am

Governador de MA realiza encontro com brasileiros

Ele revelou, em entrevista exclusiva ao BT, que conceder a 'Driver's License' para indocumentados sempre foi uma prioridade, mas que a falta de apoio no congresso impossibilitou que a promessa se concretizasse

Prestes a enfrentar mais uma batalha nas urnas pela reeleição ao cargo de Governador de Massachusetts, Deval Patrick dedicou a última quinta – feira(1), para uma agenda de campanha voltada ao eleitorado brasileiro.

Em Framingham, ele foi o convidado especial do programa Conexão Brasil - WSRO 650 AM, do radialista Ilton Lisboa, onde respondeu perguntas de ouvintes por aproximadamente uma hora. Entre questões sobre temas que tangem a rotina de vida dos milhares de brasileiros que residem no estado, o governador optou por um discurso apaziguador, de solidariedade, principalmente em imbróglios ligados à manutenção da família, que deportações e restrições da lei causam diariamente aos brasileiros.“ Eu tenho consciência que existem muitos imigrantes que chegaram no país muito jovens, e que foram criados como americanos, como parte dessa nação. Não é justo que essas pessoas, que criaram raízes nos EUA, sejam privadas de viver no país. Essa é uma das razões que eu, certamente, acredito que o sistema migratório do país está corrompido” disse ele, após ser perguntado por uma ouvinte acerca da separação de famílias, envolvendo as deportações. “ É triste vermos que crianças criadas no mesmo ambiente familiar, tenham direitos diferentes perante a lei. O jovem que chegou cedo ao país, e estudou toda a sua vida aqui, infelizmente não tem os mesmos direitos  estudantis daquela criança que nasceu nos EUA, e é realmente preocupante que isso ocorra, é de fato injusto. Eu acredito na in-state tuition para indocumentados, mas na prática, não temos apoio político atualmente para fazer passar uma lei beneficiando os estudantes indocumentados” disse, em tom realista.

Após o programa, foi realizado em um restaurante brasileiro em Framingham – MA, um evento de arrecadação de fundos para a sua campanha, no qual ele recebeu homenagens de alguns influentes brasileiros da comunidade, com um discurso do Diretor de Pesquisas da cidade de Boston, Álvaro Lima, exaltando do trabalho do político , e a entrega de uma camisa da seleção brasileira.

 

‘Não é simples realizar um plano de ação para a reforma, quando não se tem apoio político’ revela  governador ao BT

Na manhã do dia 1, o presidente Obama discursou pela primeira vez para a nação acerca do tema da Imigração, clamando para que republicanos e democratas se unam para realizar uma Reforma Imigratória. Ao sair do evento em Framingham, o governador Deval Patrick foi abordado pela nossa equipe de reportagem para falar do pronunciamento e sobre as possibilidades de ver a reforma aprovada ainda em 2010. “ Achei muito importante o presidente falar para as pessoas acerca do tema, mas temos que ressaltar que é preciso buscar apoio no congresso, e sem ambos os partidos se unirem, não alcançaremos esse objetivo. Não se tem plano de ação sem que esse impasse seja solucionado” opinou o governador, ao ser questionado sobre a falta de objetividade do discurso de Obama.

Eleições para governador serão no fim do ano

As eleições para governador de Massachusetts assim como para o congresso federal tem primárias marcadas para 14 de Setembro, sendo que o eleitorado comparecerá as urnas no dia 2 de Novembro, para dar início à escolha de um novo representante ao maior cargo executivo do estado. Deval Patrick enfrentará o republicano Charles Baker, o independente Tim Cahill e a candidata  Green-Rainbow, Jill Stein. Em última pesquisa eleitoral, realizada pelo jornal The Boston Globe, Patrick liderava com 38%, seguido por Baker, com 31%, Cahill com 9%, Stein com 2% e 20% de indecisos ou que não quiseram opinar.

 

Fonte: (Da redação)