Publicado em 8/09/2010 as 12:00am

Brazilian Day reúne mais de 1 milhão de pessoas

Como já era esperado pelos organizadores, a vigésima sexta edição do Brazilian Day em New York superou as expectativas. As estimativas é que mais de um milhão de pessoas preencheram de verde e amarelo a 46ª avenida da "maior cidade do mundo"

 
Por Luciano Sodré

Como já era esperado pelos organizadores, a vigésima sexta edição do Brazilian Day em New York superou as expectativas. As estimativas é que mais de um milhão de pessoas preencheram de verde e amarelo a 46ª avenida da “maior cidade do mundo”. A festa, que aconteceu no domingo (05) reuniu brasileiros de diversos estados norte-americanos. A presença de pessoas de outras nacionalidades também foi marcante no evento.

A apresentação da festa ficou por conta do apresentador Luciano Huck, da Rede Globo de Televisão, que comandou um show que reuniu a dupla sertaneja Zezé di Camargo e Luciano, Carlinhos Brown e Margareth Menezes.

A assessoria de Carlinhos Brown disse que o cantor não espera tantos brasileiros reunidos em um só lugar. Ele subiu ao palco ao som da música “Argila’, um dos primeiros sucessos de sua carreira. Embalado por muita batucada o cantor transformou a festa em um grande carnaval e apelidou o evento de “Dia do Planeta”. No final de sua apresentação, ele cantou ao lado da cantora Margareth Menezes, a convidada especial.

Também animou a festa o DJ Marlboro, renomado artista no mundo funk e personalidade de destaque em produções musicais. Alguns artistas globais circularam pela festa, entre eles Ana Maria Braga e Bruno de Luca. Mas o destaque maior ficou para as caravanas que se deslocaram de alguns estados para agitar o evento.

 

O Brazilian Day

Criado há 26 anos, a festa acontece na avenida 46, também conhecida por Little Brazil. Atualmente o evento ocupa 25 quarteirões e transforma parte do maior pólo econômico do mundo (New York) em um pedacinho do Brasil.

A idéia desta festa, que “tomou proporções inimagináveis”, teve início com um grupo de brasileiros que apenas queria celebrar o a Independência do Brasil, no exterior. Depois de mais de duas décadas de sucesso o Brazilian Day é o maior evento brasileiro fora do Brasil e considerado a maior festa étnica em Manhattan.

Fonte: (Da redação)