Publicado em 4/01/2011 as 12:00am

Ativista de MA ameaça deputado anti-imigrante de morte

Manuel Pintado, de 47 anos, teria usado um serviço de internet pública em uma cafeteria para mandar um email ameaçando de morte o deputado republicano William Snyder (R-AZ) e sua família

 

Um homem de Massachusetts que se auto-descreve como ativista político, foi preso na segunda  - feira (31) por realizar uma ameaça de morte por email ao deputado republicano William Snyder, da Flórida. O incidente aconteceu uma hora depois do atentado em Tucson –AZ, que terminou em 6 mortes e deixou a deputada Gabrielle Giffords, gravemente ferida. Manuel Pintado, de 47 anos, teria usado um serviço de internet pública em uma cafeteria para mandar o email.

O email, que não foi assinado, foi enviado para o deputado no dia 8 de janeiro, dizendo para o legislador ‘parar com essa lei estúpida se ele ainda tem amor pela própria vida e da vida de sua família”.

O deputado tinha proposto uma lei similar à SB1070, que intensificava a aplicação das leis de imigração. Assim que recebeu a ameaça, o legislador reportou ao Martin County Sheriff's Office e state Capitol security officials em Tallahassee. Manuel teve fiança estipulada em $450.000 e responderá por ameaça de morte em segundo e terceiro grau. O acusado afirmou que ele não quis dizer que machucaria o deputado, mas que ficou feliz de saber que o Snyder ficou nervoso com o recebimento das ameaças.  “ No ambiente atual, eu apenas lidei com o que estava escrito literalmente ali. E é exatamente o que está ali, uma ameaça” disse o republicano, que completou dizendo que o fato não o fez desistir de passar o seu projeto anti-imigrante. “ Se ele pensa que me fez desistir de passar essa medida, ele está errado” completou.

Fonte: (Da redação)