Publicado em 7/02/2011 as 12:00am

Nutrição é pauta de encontro que visa alertar brasileiros

O programa Famílias Imigrantes Saudáveis promoveu sua primeira conferência no dia 31 de Janeiro em Hyannis - MA, informando os brasileiros acerca da importância de ter bons hábitos alimentares

 

Em um projeto financiado pela Fundação Blue Cross Blue Sheild e que tem como objetivo diminuir a disparidade no setor de saúde nas comunidades imigrantes, o programa Famílias Imigrantes Saudáveis promoveu sua primeira conferência no dia 31 de Janeiro, que contou com o tema ‘Nutrição’.

Para a paranaense Neusa Queiroz, foi uma boa oportunidade para reaprender a se alimentar corretamente. “Achei ótimo para nós brasileiros, que muitas vezes não damos muita atenção para uma boa alimentação. Há 2 anos eu realizei uma mudança de estilo da minha alimentação, mas mesmo assim aprendi muito com a conferência” testemunha Neusa, que reside em Hyannis – MA. “ O primeiro passo é a consciência de que é preciso uma mudança, que tem que surgir da própria força de vontade da pessoa. Depois disso é preciso ficar atento aos detalhes. Eu descobri que nos rótulos dos alimentos, o primeiro item discriminado no verso é o que tem em maior quantidade no alimento.  Eu não sabia disso e com certeza vai me ajudar a discernir um produto saudável de um que não é” revela ela, que vive há 11 anos nos EUA. “Um exemplo que me causou surpresa foi o Green Tea engarrafado, que muitos pensam ser inofensivo. Se você olhar no rótulo, o açúcar vem antes das próprias ervas do chá, revelando que ele é abundante em glicose, e deve ser consumido com moderação” exemplifica Neusa, de 43 anos.

As disparidades na área da saúde podem afetar a frequência com que certas doenças afetam determinado grupo de indivíduos, o número de portadores da doença nesse grupo e quantas vezes essa doença termina em falecimentos.  Alguns dos grupos populacionais afetados por disparidades da saúde são: minorias raciais e imigrantes; residentes de áreas rurais; mulheres, crianças e idosos; pessoas com deficiências físicas e mentais.

O projeto ‘Famílias Imigrantes Saudáveis’ oferece informações para conscientizar a comunidade brasileira na adoção de um estilo de vida mais saudável, prevenindo doenças crônicas como obesidade, diabete e doenças cardiovasculares. Para cumprir esse objetivo, o projeto está oferecendo uma série de palestras sobre como manter uma vida saudável, levando em conta o cotidiano do imigrante brasileiro, seus hábitos alimentares e o nível de estresse que a nossa comunidade enfrenta.

As palestras são gratuitas e ajudarão os brasileiros a escolher uma dieta mais saudável, que caiba no orçamento do imigrante, assim como viver uma vida mais ativa e diminuir o estresse.

Elas estão sendo realizadas no Community Action Committee, em Hyannis - MA, localizado na 115 Enterprise Rd, de 5pm às 7pm, e o próximos temas serão ‘Atividade Física’ e  ‘Redução de Estresse’, que tiveram suas datas adiadas, com novo calendário a ser divulgado em breve. Um cardápio de comidas saudáveis e recreação para crianças também serão oferecidos durante as palestras.

O projeto conta com o apoio das algumas organizações em Cape Cod e na ilha de Martha´s Vineyard: Cape Cod Immigrant Center, the Cape and Vineyard Community Health Center Network, Cape Cod Healthcare, Barnstable School Based Health Centers, Vineyard Healthcare Access Program e the Barnstable County Human Rights Commission.

Para quem deseja mais informações e quer confirmar presença nos eventos seguintes, pode ligar no número  (508) 246-9675 e falar com Danielli Lemos.

Fonte: (Da redação)