Publicado em 2/03/2011 as 12:00am

CDL/USA alerta sobre golpes contra lojistas

Entidade diz que golpes aumentaram nos últimos tempos e orienta como proceder em caso de dúvidas

 

A Câmara dos Dirigentes Lojistas nos Estados Unidos – CDL/USA tem registrado, nas últimas semanas, um aumento considerável de golpes financeiros contra lojistas e empresários, principalmente os negócios de remessa de dinheiro.

“É tanta gente querendo dar golpes todos os dias que nem é possível enumerar cada um deles, mas a maior incidência é com cheques de todos os tipos. Roubados, falsificados e de contas encerradas e é preciso ter cuidado para fazer qualquer tipo de operação, pois por mais que conheçamos a pessoa com quem estamos lidando para não se surpreender negativamente. Todos os dias chegam histórias novas de empreendedores e lojistas que foram vítimas de golpes e ficaram no prejuízo”, diz João Arruda, presidente da entidade.

Uma destas histórias de golpes é a de um lojista em uma cidade nos arredores de Boston. Durante meses, o golpista frequentou a loja, fazendo remessas todas as semanas e nunca seus cheques deram problemas. Nos últimos tempos, ele ligava para a loja e pedia que se fizesse a remessa para o Brasil e o cheque seria entregue mais tarde pontualmente, o que de fato acontecia. O lojista não disse quanto foi o seu prejuízo, mas num determinado dia o golpista ligou pedindo para que fossem feitas algumas transferências como de costume e que levaria o cheque mais tarde.

No dia seguinte, ligou para a loja dizendo que havia viajado e que o carro havia quebrado e que só voltaria a Boston no meio da semana e que o lojista não se preocupasse com o pagamento. Como era teoricamente um bom cliente, a remessa foi liberada e os dias se passaram, as ligações só caiam na caixa postal até que o comerciante se deu conta de que tinha caído num golpe que lhe custou alguns milhares de dólares que havia sido preparado com meses de antecedência sem que se desse conta.

João Arruda diz ainda de tantos casos de lojistas que por algum motivo trocaram cheques para clientes e depois ficaram no prejuízo. “Há alguns lojistas que para favorecer e fidelizar a clientela troca cheques de pequenos valores e há uns três anos houve uma grande incidência de cheques sem fundos, roubados e falsificados”, afirma João Arruda. “Os lojistas preferem hoje ficar no prejuízo do que correr o risco de fazer um favor e perder dinheiro, já outros não trocam cheques de nenhum valor e poucos se dispõem a falar sobre o assunto. Os golpes financeiros acontecem em todos os lugares e temos que ficar atentos e ligados o tempo todo, pois é raro o lojista e empresário que não tenha passado pelo constrangimento de ter caído num golpe, por pequeno que seja. O Departamento Jurídico da CDL USA analisa a possibilidade da elaboração de uma LG – lista de golpistas, onde constariam os nomes e as modalidades de quem pratica e aplica golpes em lojistas e empresários. “Algumas empresas e empresários que comercializam com nossos compatriotas – alguns vindos do Brasil, e latinos têm nos procurado para obter informações. Dois empresários dirigiram-se a um de nossos diretores para poder consultar acerca de pessoas que sabemos costumam aplicar golpes na praça”, conclui João Arruda.

“A melhor forma de não cair em golpes é selecionar a clientela de quem aceitamos cheques, pois muitos chegam ao cúmulo de apresentar documentos falsificados, endereços que não são os deles, e até quem pode dar referências telefônicas de comparsas dos golpistas e têm espertalhão que vive de um estado para outro aplicando seus golpes sem medo nenhum de ser denunciados”, diz um empresário do ramo de remessas que não quer ser identificado.

 

 

Orientações

Cuidados para não cair em golpes

Não acredite em histórias mirabolantes e esquisitas

Não se comova com tragédias aparentes, pois os golpistas têm um repertório imenso

Não tenha pressa em conferir documentos, e se preciso confirme com o emissor do cheque a procedência dele. Se for fraudulento o golpista vai alegar pressa e ir embora

Na dúvida é preferível não fazer negócio do que ter prejuízo

Não se intimide com a pressão do golpista, pois ele quer levar o dinheiro ganho honestamente

Se desconfiar chame a polícia

 

Serviço

Câmara dos Dirigentes Lojistas – CDL USA

Se quiser relatar para a CDL USA alguma tentativa ou golpe sofrido para alertar outros lojistas envie um e-mail para cdlusa@live.com e seu nome e identidade serão preservados

www.cdleua.com

Fonte: (Da redação)