Publicado em 11/04/2011 as 12:00am

Anti-imigrante se rebela com anúncio gay que usa seu nome

William Tulaba, de 30 anos, respondia a um processo realizado pelo ativista Jim Rizoli, por ter criado um anúncio falso no site Craiglist, na sessão de relacionamentos homossexuais, utilizando fotos e contatos de Rizoli

Um residente de Framingham – MA,  que estava sendo processado pelo ativista anti-imigrante e candidato a vereador, Jim Rizoli, por ter sido responsável por um anúncio falso no site Craigslist, foi condenado essa semana pela justiça da cidade,  após 3 anos do início do processo. No anúncio, o réu se apresentava como Rizoli, utilizando fotos do próprio, no setor de anúncios de relacionamentos homossexuais.

William Tulaba, de 30 anos, admitiu à Côrte na quarta – feira(6), que existiam provas suficientes para condená-lo do crime de perseguição criminal, devido a várias ligações que ele realizou para Rizoli, e também por falsidade ideológica, pela criação do anúncio falso, segundo informações do jornal Metro West Daily News.

A promotora Kristen Noto Palmieri, disse que em 2007, o acusado teria postado 3 anúncios separados no Craigslist.org. Um teria divulgado uma foto do ativista anti-imigrante, o seu telefone, e a foto de um pênis. Na descrição do anúncio, ele afirmava que estaria procurando por um relacionamento com homens, e indicava que já tinha praticado relações sexuais homossexuais no passado. Rizoli, conhecido por sua perseguição incansável contra os indocumentados de Framingham – MA, diz ter recebido dezenas de ligações de homens que ‘estariam respondendo ao anúncio’. William afirmou que os anúncios foram uma resposta à emails grosseiros que Rizoli teria enviado à sua esposa, Ellie Tulaba.

A promotoria pediu que o juiz Robert Greco prosseguisse com o caso, requerindo uma distância mínima do acusado e Jim Rizoli, além do cumprimento de um tratamento psicológico, com duração de 16 semanas. O juiz adotou as recomendações da promotoria, e exigiu o pagamento de despesas de Côrte pelo acusado.

Após a audiência, Tulaba disse que não teve escolha,  mas somente admitir que existiam provas suficientes para incriminá-lo. Ele se pronunciou durante a audiência, com o intuito de mostrar vídeos de Rizoli praticando atos de discriminação contra brasileiros, indocumentados e suas opiniões acerca do holocausto. O objetivo era mostrar que Rizoli era uma figura pública, e que os anúncios não teriam o poder de mudar a imagem que ele mesmo já construiu. “ Eu acho que o debate poderia ter sido melhor, tocando no ponto da liberdade de expressão, que ele mesmo incentiva com suas opiniões polêmicas” disse o acusado. “ Eu estou aliviado que isso acabou. Foram 3 anos muito estressantes” completou o acusado.

 

Rizoli anunciou candidatura à vereador de Framingham – MA 

O ativista anti-imigrante Jim Rizoli afirmou na semana passada, que irá se candidatar para o ser vereador em Framingham – MA, e que vai enfatizar o combate a imigração ilegal na região.

Segundo informações de publicações locais, ele afirma que resolveu se tornar um candidato para trazer o tema para discussão no câmara de vereadores e trazer diversidade de pensamento no tratamento do problema. “ Eu estou de um lado, e eles estão de outro” disse ele. Ele ainda confirmou que está preocupado com a administração financeira da cidade e com o crescimento da população imigrante na região.

Com um posicionamento mais ameno no tratamento do tema, ele afirma que ‘não desgosta de indocumentados, mas se eles querem ficar, vão ter que pagar’ opina o candidato, em relação ao custo da educação pública. Segundo suas próprias estimativas, Framingham gasta mais de $20 milhões para educar filhos de indocumentados.

Fonte: (da redação)