Publicado em 22/04/2011 as 12:00am

ONG firma parceria no combate ao abuso sexual em CT e NY

A East Coast Training System, que atua com cursos de defesa pessoal por toda New England, estará promovendo aulas para a comunidade brasileira de Massachusetts e Connecticut no segundo semestre

Com o intuito de atuar na assistência de vítimas de estupro e também oferecer meios de prevenção para o crime, uma companhia que realiza cursos de defesa pessoal por toda New England se uniu à uma ONG que trata do tema, para juntar forças no combate à violência doméstica.  Os cursos devem chegar à Massachusetts no fim do ano, e duas datas já estão confirmadas para Connecticut nas próximas semanas.

A East Coast Training System, que atua com cursos de defesa pessoal em universidades, escolas e diversos outros ambientes coletivos, está oferecendo o curso ‘ Escapar Vivo’ , onde treinam mulheres na defesa a um ataque de abuso sexual ou tentativa de estupro. “ O curso está sendo organizado em parceria com a Jane Doe No More, organização que trabalha com assistência a vítimas de violência doméstica. Toda a arrecadação dos cursos será destinada e doada  à ONG, como incentivo ao excelente trabalho que eles vem desempenhando” afirma Danielle Serrano, diretora da East Cost Training System, que também atua como instrutora nos cursos. “ A intenção é mudar a maneira como a vítima reage a esses ataques, e até mesmo incentivar a denúncia desses crimes. A cada dois minutos, uma pessoa é estuprada nos EUA, e a cada 6 estupradores, apenas um é incriminado e preso. São números impressionantes, mas que se relacionam com a quantidade de casos que são oficialmente denunciados. Estatísticas afirmam que apenas 5% das vítimas de abuso sexual, de fato denunciam seus agressores” afirma.

Para Danielle, é importante também atuar no tratamento daquelas pessoas que já foram vítimas de agressão sexual, que não pára apenas na denúncia do crime. “ Muitas vítimas tem que passar por um período de tratamento psicológico para poderem superar um episódio tão traumático como esse. Depressão e instintos suicidas são sintomas comuns a essas vítimas e devem ser evitados” salienta ela.  “ O que estamos fazendo é justamente trabalhando para evitar que esses abusos aconteçam, queremos trabalhar na prevenção desses crimes, preparando as mulheres para reagirem de forma segura a agressores” completa.

Após o verão, estão sendo programados cursos em Massachusetts, com datas que ainda serão confirmadas.  Em Connecticut , um curso será ministrado em Deerfield – CT no dia 30 de Abril, e Naugatuck – CT, no dia 14 de Maio.  “ O curso  ‘Escapar Vivo’ é para qualquer pessoa: Não importa idade, tamanho ou experiência. As técnicas que ensinamos são movimentos simples de se aprender e lembrar, mas que se usados corretamente, são bastante eficazes. O curso que estou planejando para o verão para a comunidade brasileira será na área de Boston. As pessoas que tiverem interessadas em receber mais informação, devem me contatar pelo email dsilva@ects.biz ou pelo telefone 203-768-2866. Está aberta também oportunidade para patrocinadores, se alguém estiver interessado” orienta Danielle Serrano. Informações sobre o programa também podem ser encontradas no website do projeto, http://www.jdnm.escapealive.net. Quem deseja conhecer o trabalho da ONG Jane Doe No More, entrar no site - http://www.janedoenomore.org.

Fonte: (da redação)