Publicado em 31/05/2011 as 12:00am

Compras levam 56% dos turistas do Brasil, aos EUA

Estudo feito pela Mandala Research, em parceria com o Departamento de Comércio americano, concluiu que fazer compras é um fator importante para os viajantes aos EUA do Brasil, China, Índia, Austrália e Coreia do Sul, fontes de turismo importantes para o p

Estudo feito pela Mandala Research, em parceria com o Departamento de Comércio americano, concluiu que fazer compras é um fator importante para os viajantes aos EUA do Brasil, China, Índia, Austrália e Coreia do Sul, fontes de turismo importantes para o país norte-americano.

Um total de 56% dos entrevistados responderam que fazer compras era a razão principal ou que esse motivo as ajudou na decisão do destino. Isso ocorreu principalmente para brasileiros, coreanos e australianos.

Os entrevistados disseram gastar em média US$ 3.517 na viagem, sendo que um terço disto é em compras. Além disso, estes viajantes acabaram comprando mais que o dobro que planejavam comprar nos EUA.

O local mais popular para fazer compras é Nova York, sendo que 30% dos entrevistados o mencionaram. Outros destinos importantes para a atividade foram Los Angeles, Las Vegas e Atlanta.

Mais da metade dos brasileiros fizeram compras em Atlanta e quase um quarto dos chineses em Houston. Isto pode estar relacionado a como os visitantes chegaram ao país ou ainda a regiões com imigrantes.

CONHECIDOS

Assim, visitar família e amigos também era parte do propósito da viagem, para sete entre dez viajantes. Os entrevistados também citaram "prazer" (24%), convenções (19%) e negócios (8%) para suas visitas nos últimos 12 meses.

Visitar parques de diversões e parques nacionais e estaduais são outras atividades frequentes, seguidas por visitar museus, zoológicos e aquários, casas de espetáculos e de apostas.

Mais da metade dos respondentes (56%) disseram que já estiveram nos EUA duas vezes no último ano. Além disso, mais da metade também diz ter planos de voltar no ano seguinte. Os dois dados, no entanto, não incluem os visitantes da Índia, como exceção.

A viagem durou para a maioria de 57% dos viajantes destes cinco países entre 5 e 14 dias. Depois do avião, aluguel de carros foi indicado como a forma de transporte mais comum dos viajantes nos EUA.

A maioria deles ficou em hotéis por ao menos parte do período, e um terço afirmou ter ficado em casas de amigos ou parentes por ao menos parte de sua estadia nos EUA.

Fonte: (folha online)