Publicado em 8/08/2011 as 12:00am

Cearense é escolhido para desenvolver robôs para a NASA

A oportunidade surgiu depois que Eduardo Brito Almeida, 30 anos, se inscreveu no programa de Ph.D. em Engenharia na Brown University

O cearense Eduardo Brito Almeida, 30 anos, que é graduado em engenharia pela Universidade Federal do Ceará – UFC, recebeu um convite para participar do desenvolvimento de pesquisas que ajudarão a aperfeiçoar os robôs espaciais da agência espacial norte-americana (NASA, sigla em inglês).

Esta oportunidade aconteceu depois que ele se inscreveu no programa Ph.D. em Engenharia na Brown University, em 2010. Neste mesmo ano, Eduardo fez a sua inscrição para uma bolsa de estudos na Space Grant, na NASA. O projeto do brasileiro agradou aos diretores da agência, a qual lhe cedeu a bolsa.

Eduardo mora nos Estados Unidos há cinco anos e estagiou no Laboratório de Propulsão a Jato de 2009 a 2010, na cidade de Pasadena, na Califórnia, onde se gerencia e desenvolve aeronaves destinadas à exploração espacial.

Os pais de Eduardo estão felizes com o convite feito ao filho e lembram o período de escola do rapaz. “Desde criança, ele sempre foi metódico, organizado e disciplinado”, fala o pai Sebastião Carneiro de Almeida, que é professor universitário e doutor em Matemática Avançada.

O cearense tem dupla nacionalidade, já que nasceu em New York – NY, quando o pai cursava doutorado. Porém, ele cresceu em Fortaleza onde concluiu sua graduação. Depois ele cursou mestrado no laboratório de Circuitos e Processamentos de Sinais, em Santa Catarina e com o doutorado em mãos, mudou-se para os EUA.

Onde Eduardo trabalhará, a partir de setembro, já estão outros, entre eles os engenheiros Alberto Elfes e Marco Figueiredo e as astrônomas Duília de Melo e Rosaly Lopes

Fonte: (Texto por Luciano Sodré)

Top News