Publicado em 23/09/2011 as 12:00am

Brasileiros revelam porque é mais seguro morar nos EUA

Segurança sempre foi uma das maiores preocupações da comunidade brasileira, se configurando um fato primordial na decisão de fincar raízes

Por Larissa Gomes


Segurança sempre foi uma das maiores preocupações da comunidade brasileira, se configurando um fato primordial na decisão de fincar raízes e permanecer no país. Nos EUA, principalmente após os atentados de 11 de setembro de 2001, a segurança ganhou status de prioridade. Os brasileiros residentes em Massachusetts afirmam não tem medo e insegurança morando nos EUA, e segundo os entrevistados pelo BT, muitos sentem-se mais seguros na América do que no Brasil.

Dayse Brock, residente há 10 anos em Lynn (MA), natural de Florianópolis (SC).

"Cheguei aos EUA em agosto de 2001, um mês após acontecer o atentado terrorista às Torres Gêmeas em NY. Fiquei com medo de morar aqui, mas passou, hoje sinto-me segura. A polícia faz um bom trabalho em Massachusetts".

 

Welton Teixeira, residente em Malden (MA), natural de São Paulo (SP).

"Me sinto mais seguro morando aqui, porque a polícia daqui é eficiente. Não sei como conseguem chegar tão rápido aos locais do crime ou em acidentes de trânsito. O serviço de ambulância também, não leva mais que três minutos para chegar, no Brasil demora-se quase meia hora, uma pessoa pode falecer enquanto espera o atendimento dos pará-médicos"

 

Terezinha Rocha, residente há 12 anos em Malden (MA), natural de Engenheiro Caldas (MG).

"Amo a justiça dos EUA! Sinto-me muito segura e protegida, não tenho medo de assalto, ataques terroristas ou qualquer outro tipo de violência de rua. Muitas vezes a violência só existe na vida particular das pessoas, dentro de casa, mas não é lago disseminado, não é comum nas ruas"

 

Chayana Gose, residente há 12 anos em Everett (MA), natural de Imbituba (SC).

"Cheguei aqui ainda criança não sei o que é violência, nem no Brasil, mas sei que por lá a coisa anda bem complicada. Mas eu sempre me senti protegida aqui, os policiais são pessoas que podemos contar, eles estão sempre disponíveis e prestam ajuda o mais rápido que podem. Tive medo recentemente, nos 10 anos do atentado às Torres Gêmeas em NY".

 

Celso Verneck, residente há 9 anos em Malden (MA), natural de Ipatinga (MG).

"Não me sinto seguro. Sou tratado como criminoso, embora não seja, sempre ando com medo da polícia, eles ficam só esperando um vacilo meu no trânsito para me pararem. Quando fui à Florida eles me pararam e fui preso por dirigir sem carteira de motorista, desde então não acho que eles tenham muito com o que se preocupar, por isso ficam na cola dos motoristas só esperando uma oportunidade para fazer agirem"

 

Elaine Conceição, residente há 12 anos em Everett (MA), natural de Criciúma (SC).

"Me sinto segura morando nos EUA, porque não temos um alto índice de violência aqui. O problema é outro, as drogas. Essas sim, tiram minha tranquilidade. Moro perto da Broadway de Everett e vejo muitos jovens consumindo drogas e nunca vi sequer um policial repreendendo eles, da minha casa sinto o cheiro de maconha".

 

Fonte: (da redação)