Publicado em 5/02/2012 as 12:00am

Kansas quer contratar indocumentados

O Governo encaminhou para a Presidência, uma solicitação para contratar imigrantes que entraram no país sem autorização

O governo do estado do Kansas, através da Secretaria de Agricultura, está buscando meios para que as empresas de lacticínios e criadores de gados possam contratar imigrantes indocumentados. A decisão partiu da pressão que as autoridades vêm sofrendo por parte destes empresários e pecuaristas que sentem a necessidade de mão-de-obra, sob ameaça de que a economia estadual possa parar.

Conforme o secretário, Dale Rodman, várias reuniões foram realizadas entre representantes do Governo estadual e funcionários do Departamento de Segurança Interna do país (DHS, sigla em inglês). “O objetivo é encontrar uma forma de isenção federal que permita a contratação de imigrantes que não tenham autorização de trabalho”, explicou.

O secretario ressaltou ainda que o objetivo central é proporcionar meios legais para organizar e contratar a mão-de-obra imigrante, mesmo que ela esteja ilegal no país. “Se o Governo Federal nos atender e liberar esta contratação, tenho certeza de que isso trará benefícios para o Kansas e para o país”, continuou.

Um grupo de empresários estará apresentando, nesta semana, mais detalhes sobre o projeto. a ideia é promover uma parceria entre os Governados federal e estadual no sentido de vincular os contraentes aos imigrantes que entraram no país sem autorização e vivem no Kansas, há pelo menos cinco anos. Também é importante que o trabalhador não tenha antecedentes criminais.

Entre os grupos que creditam apoio à esta iniciativa está a Câmara do Comércio do Kansas, o Departamento Agrícola, a Associação Pecuária do estado, entre outros. O DHS ainda não deu seu parecer sobre o assunto, mas também não apresentou nada contrário.

Fonte: (texto: Luciano Sodré)