Publicado em 21/02/2012 as 12:00am

Comcast divulga resultados de serviço de Internet a brasileiros de baixa renda em MA

Há aproximadamente seis meses, a Comcast lançou um ambicioso programa de adoção de banda larga

Há aproximadamente seis meses, a Comcast lançou um ambicioso programa de adoção de banda larga,  Internet Essentials, com o objetivo de reduzir a exclusão digital e obter um número maior de americanos  e brasileiros de baixa renda conectados com a Internet.  Nessa semana, um relatório do progresso do lançamento foi lançado, enfatizando os sucessos e realizações, compartilhando algumas lições apreendidas e também informando os aprimoramentos a serem implementados no programa no próximo ano.

O Internet Essentials se desenvolveu a partir de um projeto interno de vários anos que indicava a adoção de banda larga para pessoas de baixa renda como a prioridade e a estratégia mais importante da Comcast nos investimentos em comunidades. O programa não é apenas mais um serviço ou produto da Comcast. Representa o maior programa de adoção de banda larga das Américas, fornecendo um serviço de banda larga de baixo custo por $9.95 por mês; a possibilidade de se adquirir um computador com todos os serviços e preparado para a Internet por menos de $150; e opções múltiplas de treinamento de alfabetização digital disponível online, presencial e em manuais impressos. Pesquisas demonstraram consistentemente que as barreiras para a adoção da banda larga envolvem uma combinação complexa dos seguintes fatores: a falta de conhecimentos na área digital, a percepção que os conteúdos online não são relevantes e a necessidade de computadores e serviços de Internet de boa qualidade e a preços acessíveis. O Internet Essentials tem em vista abordar todos estes obstáculos, sendo o maior e mais abrangente programa do país dedicado a esta área. 

O programa foi implementado em mais de 4.000 distritos escolares e mais de 30.000 escolas, que têm aproximadamente 3.5 milhões de famílias no Programa Nacional de Almoço Escolar (NSLP), para o qual 2 milhões se qualificam para refeições grátis, estando portanto qualificadas também para o Internet Essentials;

O trabalho foi realizado com mais de 3.000 parceiros, inclusive com governadores, prefeitos, legisladores locais, estaduais e federais e com organizações comunitárias, entre elas igrejas, bibliotecas e Associações de Pais e Mestres com o objetivo de promover o Internet Essentials e de engajar famílias elegíveis em suas comunidades;

No final de 2011, mais de 10.000 pessoas e organizações tinham se registrado no Partner Portal; o portal tinha recebido acima de 100.000 visitantes únicos e os parceiros solicitado 11.5 milhões de unidades de materiais promocionais – tudo sem nenhum custo para as organizações parceiras.

Aproximadamente 300 sessões presenciais de treinamento de alfabetização digital foram realizadas, com mais de 1.250 participantes individuais;

A capacitação de quase 100.000 funcionários da Comcast para conectar diretamente as famílias qualificadas nas comunidades;

Mais de 41.000 famílias (um cálculo estimado de160.000 entre brasileiros e americanos) conectadas com a Internet em casa, alguns pela primeira vez

A distribuição de mais de 5.500 computadores por menos de $150 cada um.

Fonte: (DA REDAÇÃO)