Publicado em 2/03/2012 as 12:00am

Saiba como proceder para declarar o imposto de renda

Desde janeiro, o IRS (Internal Revenue Service) está disponível para receber as declarações de imposto de renda. Quem ainda não declarou deverá ficar atento ao prazo, que termina no dia 17 de abril. Deverão declarar todas as pessoas que tiveram rendimento

Independentemente do status imigratório, o brasileiro residente nos EUA deve declarar o imposto de renda anualmente. É importante lembrar que o IRS não reporta as informações do contribuinte ao departamento imigratório, ou seja, não há motivo para deixar de declarar por medo da imigração. Para declarar o imposto de renda é necessário que a pessoa possua social security ou um ITIN number (Individual Taxpayer identification number).

Segundo Tiago Batista, dono da empresa TBS Tax Services, este ano o governo deixará de dar um bônus para quem tem social security. Quem declara regularmente o imposto de renda é aconselhável declarar o quanto antes para evitar multas.

Ele aconselha que o contribuinte guarde recibos de dentista, médico, doações, oculista, entre outros, pois eles podem ajudar na hora da dedução do imposto de renda. “Muitos serviços são dedutíveis, mas é preciso tomar cuidado ao incluir os gastos no imposto, porque tem que estar de acordo com a renda recebida”, alertou.

Tiago explicou que quem é solteiro e recebeu no W2 menos de U$ 9.500,00 dólares no ano anterior, está isento de declarar imposto, para os chefes de família o valor sobe para U$ 12.200,00 dólares. Para quem é casado, a declaração poderá ser feita em conjunto e o ganho do casal  inferior a U$ 19.000,00 dólares para ficar isento de pagar o imposto de renda.

“Declarar imposto de renda significa estar em dia com as responsabilidades fiscais e morais. Usufruímos de boas estradas, plano de saúde, entre outros serviços oferecidos pelo governo que são pagos com a arrecadação de impostos”, comentou.

Tiago contou que a declaração do imposto de renda é um dos principais documentos exigidos na hora da legalização do imigrante. “Não tem como escapar disso, a pessoa que pensa em se legalizar no país, precisa estar em dia com o IRS”.

Para quem tem filho nos EUA e menor de 16 anos, o contribuiente poderá receber um crédito de mil dólares, referente ao Children Tax Credit. “Quem não procura um contador, nem sempre sabe dos benefícios que está deixando de ter por não declarar o imposto”, alertou Tiago.

Para maiores informações,www.tbstaxservices.com

Fonte: (por Larissa Gomes)

Top News