Publicado em 11/03/2012 as 12:00am

Brasileiros participam de caminhada solidária em Boston

Uma campanha em prol do tratamento médico de Filipe tem mobilizado toda a comunidade

Aproximadamente 100 pessoas participaram na manhã de domingo (11), em Boston - Massachusetts, de uma caminhada solidária com objetivo de levantar fundos para custear o transplante de fígado do menino Filipe Wolf. Os participantes deram a volta no parque Frog Pond e venderam camisetas e pulseiras referentes à campanha.

Filipe tem três anos de idade e é natural de Campo Grande, Mato Grosso do Sul. Ele está acometido por uma doença rara, a Histiocitose de células de Langerhans - HCL, que ataca principalmente os pulmões e fígado. Para fazer o seu tratamento, o menino se mudou com a família para os Estados Unidos.

Mas com o andamento do tratamento, os médicos acabaram diagnosticando uma segunda doença, a Colangite Esclerosante Primária - CEP, causada pela evolução da primeira. Com apenas um ano e meio de idade, Filipe começou a fazer quimioterapia e graças a remissão da doença, hoje está livre das sessões.

A família de Filipe chegou aos EUA em novembro do ano passado, na esperança de encontrar a cura para a doença, mas a única solução é o trasplante do fígado, uma vez que 70% do órgão já está comprometido. Os médico recomendaram que a cirurgia seja feita em até dois meses e estimaram os gastos para este procedimento avaliado em US$ 800 mil (cerca de R$ 1.500.000,00).

Guilherme Wolf, o pai de Filipe, fala que com a ajuda de amigos e pessoas solidárias, tem realizado vários eventos com intuito de levantar a quantia estimada. Segundo ele, não foi feito levantamento do quanto foi arrecadado até o momento, mas estima-se que a família tenha em torno de US$150 mil.

Emocionado, o pai conta ainda que não esperava que a campanha fosse tomar a proporção que tomou. “Fiquei assustado no começo, mas eternamente grato com as pessoas que colaboraram e se dispuseram a ajudar”, ressalta salientando que o carinho e amor de cada um não tem preço. Sem a ajuda destas pessoas seria quase impossível, segundo ele, “pois cuidar do garoto e coordenar a campanha é muito desgastante”.

Os interessados em colaborar e participar desta campanha para salvar a vida do pequeno Felipe é só entrar em contato com Guilherme Ribeiro Wolff ou Évelyn Coppo Nogueira Wolff, através dos telefones (857)-237-0521 ou 508-395-7563 ou enviar e-mail para quiriwolff@yahoo.com.br   Para saber mais informações sobre o menino e sua história basta acessar o site: www.ajudefilipe.com.br

Fonte: (por Larissa Gomes)

Top News