Publicado em 23/07/2012 as 12:00am

Negócio Fechado contrata veterano do jornalismo comunitário

Jornalista multimídia, Eduardo de Oliveira já escreveu para o "Boston Globe e e hoje assina um blog no jornal "O Globo" O jornal "Negócio Fechado" acaba de fazer uma contratação que promete mudar a cara do jornalismo radiofônico de Boston. O jornalista E

da redação

 

 

Jornalista multimídia, Eduardo de Oliveira já escreveu para o "Boston Globe e e hoje assina um blog no jornal "O Globo"

O jornal "Negócio Fechado" acaba de fazer uma contratação que promete mudar a cara do jornalismo radiofônico de Boston. O jornalista Eduardo de Oliveira é um dos veteranos do jornalismo na comunidade brasileira nos EUA.

Oliveira chega para apresentar o programa "Negócio Fechado" nas tardes da rádio 1360 AM de segunda a sexta de 3 as 5 .Repórter com faro apurado, e jornalista multimídia, Oliveira vai utilizar nas ondas do rádio em Boston o mesmo estilo sério que o fez conhecido até entre os editores americanos.

Com certeza, a Comunidade brasileira radicada em Boston ganha mais qualidade no jornalismo. Conheça um pouco sobre a carreira de Eduardo de Oliveira no Brasil e nos EUA.

Carreira:

Eduardo de Oliveira começou a sua carreira no Rio de Janeiro nos anos 90 como publicitário. Primeiro trabalhou como redator publicitário para o departamento de Marketing da Embelleze, empresa de cosméticos que, entre outros produtos, a linha de cremes e shampoos Semprebella.

Na Embelleze, Eduardo chegou a desenvolver textos para várias linhas de produtos. Além disso também escreveu scripts de merchandising para alguns programas de TV, como "Programa Raul Gil" e "Show da Xuxa". Eduardo deixou a Embelleze em 1999.

No ano 2000, Eduardo migrou para os EUA com o objetivo de fazer pós-graduaçăo em Jornalismo. Radicado em New Hampshire, ele chegou a trabalhar no Rivier College, faculdade católica de Nashua, cidade onde Eduardo residiu até 2009. Ele chegou a cursar um período no Rivier College em 2001.

A partir de 2003, Eduardo começou a trabalhar como segurança dos Museus de Arte da Universidade Harvard. Foi lá que ele conseguiu realizar o seu sonho: cursou pós-graduaçăo em “Publishing and Communications,” com concentraçăo em Jornalismo na Universidade Harvard.

ăo em “Publishing and Communications,” com concentraçăo em Jornalismo na Universidade Harvard.

Nessa época, Eduardo passou a escrever para o jornal ""Boston Globe," enquanto trabalhava como editor dos jornais brasileiros"Metropolitan" e "A Notícia"." O Eduardo foi o primeiro repórter a falar sobre a brasileira que morreu após uma cirurgia plástica feita no basement de uma casa em Framingham reportagem publicada no "Boston Globe"."

O jornalismo impressa sempre marcou a vida do Eduardo nos EUA. Ele escreveu também para o "Brazilian Times," a revista "Massa Magazine," além de ter sido co-fundador do jornal "Brazilian Journal," que hoje atende pelo nome de "Brazilian Magazine," sob a gerência de Marcony Almeida e Mark Puleo.

A partir de 2006, Eduardo passou a contribuir como repórter do programa Vem Viver,apresentado pelo radialista Maestro Wando. Logo depois também contribuiu com o programa Show da Manhă,” por quase 3 anos, e teve uma breve passagem pelos programas “Rádio do Povo,” apresentado pelo Pr. Emídio Martins, e Show do Leandrinho, do radialista Leandro Alves.

ă,” por quase 3 anos, e teve uma breve passagem pelos programas “Rádio do Povo,” apresentado pelo Pr. Emídio Martins, e Show do Leandrinho, do radialista Leandro Alves.

Em 2008, Eduardo passou a trabalhar como repórter de saúde da Universidade de Massachusetts. Ele serviu ao website da New England Ethnic Newswire até 2010, época em que teve a chance de cobrir a Convençăo Nacional Democrata em Denver, no Colorado.

ăo Nacional Democrata em Denver, no Colorado.

No mesmo período, Eduardo assinou uma coluna no "Nashua Telegraph", jornal americano que tem mais de 175 anos. Na época, Eduardo teve a chance de entrevistar os candidatos à presidência, e os entăo senadores, John McCain, Hillary Clinton e Barack Obama.

ăo senadores, John McCain, Hillary Clinton e Barack Obama.

A partir de outubro de 2011, Eduardo lançou um novo projeto, o de apresentar o seu próprio programa na rádio WSRO, 650 AM. O "A Hora da Notícia", entăo, passou a ser a síntese de 11 anos de jornalismo comunitário, seja imprensa brasileira ou americana.

ăo, passou a ser a síntese de 11 anos de jornalismo comunitário, seja imprensa brasileira ou americana.

Agora, Oliveira chega ao programa Negócio Fechado para investir todo o peso da sua carreira nas tardes de Boston.O programa é uma extensão do Jornal Negócio Fechado, sucesso absoluto com os seus classificados com o site www.jornalnegociofechadousa.com que têm mais de 30 mil acessos diários e que é consultado por quem quer vender, comprar, contratar, alugar e interagir com uma comunidade que tem um alto poder aquisitivo.

Walter medeiros disse que quando formato programa tinha em mente que precisava oferecer atrações, informação, prêmios e promoções para retribuir o imenso carinho e a audiência da comunidade brasileira com o Programa Negócio Fechado. É por tudo isto que penso que o Eduardo Oliveira vai agregar ainda mais valor e peso ao programa e dou a ele as boas vindas. Aproveitamos para agradecer ao Beto Moraes o tempo que esteve apresentando, colaborando e fazendo o programa o sucesso que é , desejo boa sorte ao nosso amigo Beto Moraes finaliza Walter Medeiros e Alex Colombini.

www.jornalnegociofechadousa.com que têm mais de 30 mil acessos diários e que é consultado por quem quer vender, comprar, contratar, alugar e interagir com uma comunidade que tem um alto poder aquisitivo.

Walter medeiros disse que quando formato programa tinha em mente que precisava oferecer atrações, informação, prêmios e promoções para retribuir o imenso carinho e a audiência da comunidade brasileira com o Programa Negócio Fechado. É por tudo isto que penso que o Eduardo Oliveira vai agregar ainda mais valor e peso ao programa e dou a ele as boas vindas. Aproveitamos para agradecer ao Beto Moraes o tempo que esteve apresentando, colaborando e fazendo o programa o sucesso que é , desejo boa sorte ao nosso amigo Beto Moraes finaliza Walter Medeiros e Alex Colombini.

Fonte: Brazilian Times