Publicado em 15/08/2012 as 12:00am

Rapper, DJ´s e bandas se unem para ajudar Filipe

Acontecerá no dia 19 de agosto, próximo domingo, uma grande festas que reunirá um grupo seleto de DJ´s, bandas e o rapper Big D em uma causa solidária. O grupo decidiu fazer uma grande festa em prol do pequeno Filipe Wolf, que está nos Estados Unidos para

da redação

Acontecerá no dia 19 de agosto, próximo domingo, uma grande festas que reunirá um grupo seleto de DJ´s, bandas e o rapper Big D em uma causa solidária. O grupo decidiu fazer uma grande festa em prol do pequeno Filipe Wolf, que está nos Estados Unidos para um tratamento contra uma doença rara, a histiocitiose de células Langer Hans, doença que afeta vários órgãos, de forma semelhante a um câncer.

O objetivo da festa é arrecadar dinheiro para ajudar na campanha. O evento acontecerá no Isla lounge, em Framingham (Massachusetts), com início previsto para às 9pm. Além de Big D, estarão nesta festa sete DJ´s e cinco bandas.

Todo o dinheiro arrecadado na bilheteria será doado para a campanha e a entrada custará apenas $10. "Minha mãe me perguntou se eu tava sabendo da camapnha para o Filipe. Ela me mostrou a capa do Jornal Brazilian Times e vi o vídeo no You Tube. A história dele tocou o meu coração e eu pensei em juntar meus amigos e vários DJ’s. Quero ajudar e vou", fala o rapper.

Para mais informações pode ligar para o Big D no telefone (857) 251-4152

Big D no telefone (857) 251-4152

A HISTÓRIA

Em novembro do ano passado, a família de Filipe o trouxe do Mato Grosso do Sul para os Estados Unidos para uma consulta, esperando que ele começasse a tomar um medicamento que não é comercializado no Brasil. No entanto, ao chegarem, foram informados que o fígado do menino estaria muito debilitado e não poderia tomar o medicamento. Sua única saída é o transplante de fígado e eles esperam que o pai da criança possa ser o doador.

Os gastos médicos necessários para o transplante de fígado, que será feito de pai para filho, são em torno de $833 mil dólares. Como a família Wolf está no país como paciente internacional, a cirurgia só poderá ser feita com o pagamento adiantado. Esse valor cobriria as duas cirurgias, do pai, e do filho, mais seis meses de acompanhamento, disse o pai do menino, Guilherme Wolf, ao Gazeta News, na edição passada.

Dos $833 mil dólares necessários, eles conseguiram arrecadar, até agora, um pouco mais de $138 mil. "Temos feito muitos eventos para arrecadar dinheiro para a cirurgia", disse Guilherme. "Não imaginava que a campanha fosse ficar tão grande. Quero agradecer a todas as pessoas que abraçaram a nossa causa. É muito difícil ter que coordenar uma campanha e lidar com a doença do próprio filho", disse ele.
Para ajudar na campanha com doações, os interessados devem entrar em contato com Guilherme Ribeiro Wolff ou Evelyn Coppo Nogueira Wolff pelos telefones 857-237-0521, 508-395-7563 ou pelo e-mail guiriwolff@yahoo.com.br. Ou acessar o site www.ajudefilipe.com.br.

Fonte: Brazilian Times