Publicado em 29/08/2012 as 12:00am

Mourisso conclama cristãos para se unirem na campanha de Filipe

Emocionado com a história do pequeno Filipe Wolff, que está nos Estados Unidos para realizar um tratamento contra uma doença rara, o pastor Walter Mourisso (membro/suplente do Conselho de Representantes de Brasileiros no Exterior - CRBE), entrou em contat

Luciano Sodré

Emocionado com a história do pequeno Filipe Wolff, que está nos Estados Unidos para realizar um tratamento contra uma doença rara, o pastor Walter Mourisso (membro/suplente do Conselho de Representantes de Brasileiros no Exterior - CRBE), entrou em contato com a redação do jornal Brazilian Times para mostrar o quanto está sensibilizado com a situação.

Os custos para o tratamento e transplante de fígado foram estimados em torno de US$1 milhão. "Por isso eu resolvi levantar uma bandeira e convocar as comunidades evangélicas e católicas para abraçar a causa", fala salientando que este dinheiro já era para estar na conta do menino. "Somos uma comunidade de mais um milhão de pessoas e se cada um doasse apenas US$1, já teríamos chegado ao desejado", fala lançando um desafio a todos os brasileiros.

Mourisso disse que em situações como esta é que os brasileiros devem mostrar o lado solidário e humano. "Eu não conheço a família deste menino, mas todos devemos adotá-lo como se fosse membro de nossa família", fala ressaltando que cada dia que passa a situação pode ficar mais difícil.

"Eu estava meditando neste final de semana e a voz de Deus tocou o meu coração para descruzar os braços e fazer algo para ajudar e é justamente este desafio que estou lançando que faz parte de minha ajuda. Vamos todos nos unir em prol do Filipe", continua.

Para reforçar a sua decisão de ajudar, Mourisso estará mantendo contato com alguns padres e pastores para, juntos, conseguir o valor exigido para custear o tratamento de Filipe. "Tenho certeza de que se nos unirmos poderemos fazer muito por este menino". acrescenta.

Ele salienta que vai pedir ajuda não apenas para católicos e evangélicos, mas para todas as pessoas independente da religião. "Somos mais de um milhão de brasileiros e somente nós podemos ajudar. Doar apenas U$S1 não fará falta a ninguém, mas tenho certeza de que será muito importante para ajudar na luta deste brasileirinho que vem se tornando parte de nós", fala concluindo que além do dinheiro, as pessoas devem continuar orando e pedindo a Deus para dar forças para esta família e traçar um futuro bonito para Filipe.

Para fazer as doações ou ajudar de alguma maneira, até mesmo dando uma palavra amiga e de incentivo, as pessoas podem ligar para o pai de Filipe, Guilherme Wolff, no telefone (857) 237-0521 ou 508-395-7563. Também podem acessar o site www.helpfilipe.com

www.helpfilipe.com

Fonte: Brazilian Times