Publicado em 12/04/2013 as 12:00am

Brasileiro é preso sob suspeita de agredir mulher em Somerville (MA)

Mais um caso de violência na comunidade brasileira é registrado pelos policiais de Somerville, em Massachusetts.

da redação


Gilmar de Oliveira, de 25 anos de idade, está respondendo pela acusação de ter agredido com socos uma mulher cujo o nome não foi divulgado pelo Departamento de Policia.

Segundo as informações, a polícia atendeu a uma ocorrência no dia 1º de abril, por volta das  5:20PM, mediante uma chamada feita ao 911 (número de emergência). Quando os policiais chegaram ao local, uma mulher informou que o acusado havia estado em sua casa a procura de um amigo.

Ela explicou que o homem esteve mais cedo em sua casa e desta vez, estava atrás do amigo para brigar por ela ter tentado ligar para a polícia. "Quando ele voltou à minha casa, começou brigar porque eu tentei ligar, mais cedo, para a polícia" fala ressaltando que em seguida começou a agredi-la e a jogou no chão.

O amigo tentou ligar para a polícia no momento, mas o agressor bateu na mão dele derrubando o aparelho no chão.  Após ouvir a denúncia da mulher, os policiais encontraram o "amigo" do acusado chorando no quarto, com um dos lábios cortado e a mão direta ferida e o joelho sangrando.

Os policiais conseguiram o endereço de Oliveira e se deslocaram até lá, onde encontraram o acusado. Em sua defesa, o brasileiro disse que havia discutido com uma mulher que ela lhe dera um tapa no rosto. Com base nos depoimentos de testemunhas e ferimentos da mulher, a polícia deu voz de prisão.

Além de agressão, ele também responderá pelo crime de intimidação de testemunha. Não foi informado quando ele deve retornar à Corte para o seu pré-julgamento.

 

legenda

O agressor alegou que levou um tapa no rosto


Fonte: Brazilian Times