Publicado em 30/10/2013 as 12:00am

Conheça um pouco da história de Sílvio Lessa, um dentista brasileiro nos EUA

Conheça Sílvio Lessa, um dentista brasileiro nos EUA

da redação

Considerado um dos melhores dentistas brasileiros em atividade nos Estados Unidos, Sílvio Lessa chegou a este país em 1960. Ele faz parte de um dos grupos pioneiros que ajudou a formar a imagem da comunidade brasileira em Massachusetts.

Sílvio, que é nascido em Petrópolis (Rio de Janeiro) lembra que quando chegou aos EUA, havia poucos brasileiros. Em uma entrevista, exclusiva, ele conta um pouco de sua jornada neste país.

 

BRAZILIAN TIMES - Porque deixar o Brasil e escolher os EUA, mesmo tendo se formado em odontologia?

SÍLVIO LESSA - Mesmo naquela época, eu não sentia vontade de viver no Brasil. Não via as coisas lá com bons olhos, então decidi continuar estudando e aperfeiçoando minha carreira aqui.

 

 

BT - Onde estudou ao chegar nos EUA?

SL - Fiz internato no hospital de cirurgia em New Haven (Connecticut). Um ano depois me mudei para Boston (Massachusetts), onde estudei mais um ano no Beth Israel Hospital, fazendo cirurgia e periodontia (cirurgia oral). Até hoje continuo estudando e aprendendo. Nós não podemos parar no tempo, sempre reciclando, isso faz parte, não só de uma carreira mas da vida em si.

 

BT - Você chegou muito novo neste país. Então foi nos EUA que conheceu o grande amor da sua vida? Ela é brasileira ou americana?

SL - Minha esposa É americana. Estamos juntos até hoje, gosto de cuidar dela. Temos três filhos e duas netas. Naquela época, era quase instantâneo receber o Green Card. Era tudo muito mais tranquilo. Hoje a coisa está mais difícil, devido à tantas fraudes, né? Mas ainda assim, aqui continua sendo um dos melhores lugares do mundo para se viver. Amo estar aqui.

 

BT - Quando exatamente abriu sua própria clínica?

SL - Bom, antes de ter meu próprio espaço, eu estudei por mais dois anos na TUFFS Dental School, fui trabalhar com outros dentistas e só depois decidi ter o meu consultório. Isso aconteceu em 1966 e até

hoje estou no mesmo local. Me lembro que em 1990 o único dentista

brasileiro que tinha aqui era eu. Foi aí que os brasileiros recém-chegados me descobriram. Sempre gostei de fazer as coisas certas e sou extremamente perfeccionista. Você poder ver pela linha de clientela que tenho até hoje. Me sinto honrado e realizado em dizer que continuo trabalhando não por necessidade, mas porque amo a minha profissão e me sinto muito novo ainda para me aposentar (risos).

 

BT - Depois desses longos anos vivendo nos EUA, quantas vezes voltou ao Brasil?

sl - Voltei pouquíssimas vezes. A última vez já fazem 10 anos. É muita sujeira, vandalismo, muito perigoso mesmo. Não dá para imaginar vivendo no Brasil.

 

BT - Se não fosse dentista, o que gostaria de ter sido?

SL - Minha paixão original era ser engenheiro mecânico, sempre fui bom em trabalhar com as mãos. Mas a odontologia, sem dúvidas alguma, foi e está sendo o melhor de mim. Eu sou o único dentista que tira um tempo para ensinar os seus clientes. Chego a pegar a escova, o fio dental e ensiná-los passo a passo como cuidar dos dentes. São coisas simples, mas que me dá uma realização não só profissional, mas como pessoa. Você não sabe, mas tenho clientes de longos anos que vieram da roça, que quando chegaram aqui nunca tinha ido a um consultório dentário no Brasil. Então é assim, sou um homem realizado em todas as áreas da minha vida.

 

BT - O que gosta de fazer na hora de lazer?

SL - Dançar, tocar violão, andar de bicicleta, caminhada, ler, escutar uma boa música. Vou muito ao teatro...

 

Para conhecer o trabalho de Sílvio Lessa ou marcar uma consulta com este dentista, que é brasileiro, visite o escritório localizado no 131 Watertown Street, em Watertown, MA 02472. O telefone de contato é (617) 924-1882

Fonte: Brazilian Times